sarco

Alguém lá na Austrália inventou uma máquina de suicídios que pode ser impressa em 3D.

Philip Nitschke apresentou o Sarco, que parece uma cápsula vinda de um filme de ficção científica, mas é um sofisticado dispositivo que acaba com a vida humana “de forma pacífica e elegante”.

Uma vez ativada, a máquina se enche de nitrogênio líquido, e o nível de oxigênio se reduz até que o usuário desmaie e, tranquilamente, pereça. A cápsula pode ser usada posteriormente como caixão.

Nada de injeções intravenosas os algo do gênero. Mas antes de ter acesso ao Sarco, os usuários passam por um pequeno teste online para comprovar a sua sanidade mental. Depois disso, um código válido por 24 horas é enviado para que os esquemas de impressão sejam baixados.

O criador da cápsula é conhecido por ser um entusiasta da eutanásia. Ele chegou a assistir pessoas que queriam acabar com a própria vida de forma legal, através de outra máquina, operada por um notebook.

Já o Sarco tem design aberto para impressão 3D. Ele está pronto em forma de protótipo no começo de 2018, e a versão final chega ao mercado até o final do ano que vem.

 

Via Newsweek