A popularidade do WhatsApp traz consequências sérias, e uma das mais graves são as mensagens falsas, que envolvem muitos dos seus usuários. Mas… o que o serviço de mensagens instantâneas pode fazer para evitar isso?

O governo da Índia está processando o WhatsApp pelo aumento das fake news, especialmente depois da notícia que culpava diversas pessoas pelos crimes de tráfico de crianças, onde os citados foram linchados até a morte.

O WhatsApp prometeu tomar medidas, mas a verdade é que a missão de acabar com as fake news não é tão simples. Apenas um usuário pode enviar uma mensagem falsa, que pode chegar a milhões de usuários.

 

O que o WhatsApp pode fazer para evitar isso?

 

 

Mensagens de alerta são um bom começo. Uma mensagem que nos alerte que podemos receber fake news em diferentes canais oficiais. Outra opção é adicionar um bot no aplicativo que nos alerte sobre uma notícia falsa quando a mesma se tornar um viral.

Mesmo assim, já temos algumas soluções interessantes ativas na plataforma.

O WhatsApp começou a compartilhar informações sobre as fake news nos principais jornais da Índia, além de conselhos para evitar e detectar tais mensagens falsas.

O WhatsApp alerta sobre a quantidade de envios da mesma mensagem. Mesmo que você receba de diferentes vias, não quer dizer que a mensagem é verdadeira. Também alerta para a boa leitura da mensagem, pois se existe algum erro ortográfico, erros de concordância ou frases incompletas, as chances de notícia falsa aumentam.

E o mais importante de tudo: verificar a notícia com fontes oficiais e nos perfis de autoridades policiais.

Além disso, o WhatsApp liberou o recurso que informa se a mensagem foi escrita manualmente ou se foi compartilhada por outro usuário, o que também levanta suspeitas se uma mensagem é uma notícia falsa.

Leia também:   MAPS.ME para Android mostrará detalhes comerciais

Outro método do WhatsApp é pagar aos internautas que ajudem a investigar as notícias falsas na plataforma, através de um concurso onde os pesquisadores poderiam explorar sobre as notícias falsas e apresentar os seus projetos para acabar com isso.

 

 

Por fim, o WhatsApp testa recentemente os recursos contra links maliciosos. Aqui também entram as fake news, onde podem ser inseridas em links que podem conter vírus. Quando o aplicativo detectar um link suspeito, ele nos avisa com uma etiqueta, enviando uma mensagem em uma janela emergente ao clicar no link.

Os métodos acima são testados na Índia, e aos poucos devem entrar em vigor nos mais diferentes mercados.