O processo de desmontagem do Xiaomi Mi MIX 2S foi publicado em passo a passo pelo site sina.

Nele, é possível averiguar como foi a sua construção, e tirar algumas lições disso, comprovando assim o quanto é fácil ou não a sua reparação, substituição ou troca de alguns dos seus componentes. Não foi o iFixit que realizou o prcesso, ou seja, não temos aqui uma pontuação ou avaliação sobre o grau de reparação do dispositivo. Mas podemos dizer que ele é relativamente fácil de ser reparado.

Talvez o grande ponto de decepção aqui seja mesmo a ausência do conector de áudio 3.5 mm. Fora isso, o design do smartphone com certeza vai agradar aos usuários que procuram um Android sem notch, uma tarefa cada vez mais difícil em 2018.

 

 

Vale frisar que o Xiaomi Mi MIX 2S não possui qualquer tipo de certificação IP, não sendo assim resistente à água, mas também não contando com tantos adesivos ou selantes, o que facilita a sua desmontagem.

Alguns componentes internos contam com seladores, além do painel traseiro para a fixação, exigindo assim um pouco de calor para separar as duas partes.

Todos os componentes internos ficam bem visíveis após a remoção da carcaça traseira, demonstrando uma certa facilidade para acessá-los.

A seguir, mais imagens do processo de desmontagem do Xiaomi Mi MIX 2S.

 

 

Via Gizmochina