xiaomi-mi5-final-06

A apresentação do Xiaomi Mi 5 na MWC 2016 chamou a atenção de muita gente. Era uma “volta às origens” da empresa, com um modelo top de linha com um preço muito competitivo. E isso explica os dados que a própria Xiaomi oferece, onde pelo menos 14.4 milhões de pessoas se registraram para comprar o smartphone, que começa a ser vendido amanhã (01/03).

Mesmo que apenas uma fração desse público acabe comprando o dispositivo, são números realmente impressionantes, e que mostram como o Xiaomi Mi 5 despertou o interesse de um grande público. É esperado que a Xiaomi volte a quebrar seus recordes com um dispositivo com processador Qualcomm Snapdragon 820, tela de 5.15 polegadas, entre 32 GB e 128 GB de armazenamento, 3 ou 4 GB de RAM, sensor de digitais, USB Type-C, QuickCharge 3.0 e câmera traseira de 16 MP. Tudo isso por preços que vão de 279 euros até 377 euros, de acordo com o modelo.

As vendas iniciais desse smartphone serão excepcionais. Mas se tornam ainda mais expressivas se levarmos em conta que ele terá venda imediata apenas na China e na Índia (não há previsão sobre quando o Xiaomi Mi 5 será vendido no Brasil). Quem sabe agora a sua expansão internacional finalmente acontece?

Via Gizmochina