Quando se acreditava que a linha Pro dos MacBooks estava bem servida com a introdução dos novos processadores Ivy Bridge, a Apple ataca com o anúncio de um novo modelo chamado “Next Generation” (ou “Próxima Geração”), com uma série de características que já tinham sido especuladas antes.

Para começar, este novo modelo de próxima geração recebe um design muito mais refinado e leve, contando apenas com 1.8 cm de espessura e apenas 2 kg de peso, tudo isso em um chassi unibody, marca registrada dos notebooks da Apple. Sua tela de 15,4 polegadas possui a tão previamente anunciada Retina Display, com resolução de 2.880 x 1.800 píxels (ou um total de 5.184.000 píxels), com densidade de 220 píxels por polegada.

Essa nova tela está baseada em um painel IPS, com ângulo de visão de 176 graus, e sua estrutura de fabricação está desenvolvida em um processo de fabricação de uma única peça de alumínio. O resultado final permite que o vidro da tela fique paralela à sua borda, reduzindo assim a espessura total da tela ao máximo.

Quanto às demais especificações, o MacBook Pro Next Gen conta com duas portas Thunderbolt, que servirão para conectar mais dispositivos compatíveis com a nova porta, monitores externos e até equipamentos FireWire 800 (através de um novo adaptador, também apresentado hoje). Também encontramos um teclado retroiluminado, dois microfones integrados para explorar os novos aplicativos de voz, saída HDMI, duas portas USB 3.0, leitor de cartões SDHC, saída para fones de ouvido, câmera Facetime HD, WiFi 802.11n, Bluetooth 4.0, alto-falantes estéreo e um novo conector de alimentação magnético, o MagSafe 2.

Por fim, o novo MacBook Pro Next Gen contará com um processador Core i7 Quad Core de 2.3 GHz (também está disponível em versão com processador de 2.7 GHz), até 16 GB de RAM, gráficos NVIDIA Kepler GT 650M e disco SSD de 256 GB (podendo chegar a até 768 GB em SSD, de acordo com o modelo escolhido). Seu preço inicial sugerido é de US$ 2.199. Disponível nos Estados Unidos a partir de hoje (11/06).

Via Apple