windows-phone-8-1

O Windows Phone não para de perder cota de mercado nos EUA, não alcançando os 3% no país em julho, de acordo com a comScore.

A Microsoft, que tinha 3% de mercado em abril de 2015, passou para 2.9% em julho. A queda é menor do que a registrada entre janeiro e abril, período em que o Windows Phone passou de 3.6% para 3%. Por ter uma cota tão baixa, quedas de décimos representam sempre uma grande perda. Mesmo assim, o cenário mostra uma certa estabilização.

O Android também perdeu 1% de mercado entre abril e julho, passando de 52.2% para 51.4%, o que beneficiou o iOS que ganhou um pouco mais de 1% no período (de 43.1% para 44.2%). A BlackBerry segue o seu caminho de extinção, e o Symbian resiste com uma porcentagem residual. Foram 191.4 milhões de smartphones comercializados nos EUA nesse período.

Entre os fabricantes, a Apple mantém a liderança com os 44.2% do iOS, e entre os fabricantes com Android, a líder é a Samsung, com 27.3%, registrando uma queda de mais de 1% em relação ao estudo de abril. A terceira posição nos EUA fica com a LG, com 8.7%, seguida da Motorola, com 4.9%.

Entre os aplicativos, tanto Android como iOS se movem em tendências similares. Facebook é o rei nas redes sociais, com 73.3% dos usuários dos dois sistemas maiores de 18 anos, seguido pelo Messenger (59.5%) e do YouTube (59.3%).

Voltando a falar do Windows Phone, temos que esperar para ver se o Windows 10 Mobile consegue levantar essa porcentagem de cota da Microsoft, mas de cara já sabemos que esta é uma missão muito difícil.

Via comScore