windows-phone-degustacao

Demorou, mas aconteceu. Mesmo com os novos modelos BlackBerry Z10 e Q10 disponíveis no mercado desde o segundo trimestre de 2013, as vendas dos smartphones da fabricante canadense seguem em queda, em um mercado que ainda regista boas vendas. Nessa equação, quem aumentou a sua participação foi a Microsoft, com o seu Windows Phone, que se estabeleceu na terceira posição de vendas entre os sistemas operacionais móveis do mercado.

O Windows Phone ultrapassou o BlackBerry 10 nas vendas mundiais registradas ao longo do segundo trimestre de 2013 (compreendido entre os meses de abril e junho). O cenário chama a atenção, principalmente se levarmos em conta que, nesse mesmo período do ano passado, o cenário era completamente o inverso.

Com isso, o cenário atual começa a ficar mais claro. O Android segue como líder absoluto do mercado mobile, deixando o iOS na segunda posição, com uma desvantagem absurda, mas é um segundo lugar sólido. Para a Microsoft, ficar com a terceira posição não deixa de ser uma vitória, uma vez que pode dizer que é a que está mais presente no mercado, depois daqueles sistemas considerados “onipresentes”.

Quem revela esses dados é a IDC, que publicou hoje (08) o seu relatório trimestral de market share do mercado mobile. Segundo esses dados, o número de dispositivos com o sistema Windows Phone cresceu 77.6% em 12 meses, enquanto que os dispositivos com o sistema BlackBerry registraram quedas de vendas de 11.7%. Em um mercado que ainda está em crescimento (apesar do temor da proximidade do ponto de saturação), os números da BlackBerry também deveriam estar em alta. Porém, ainda que a maioria de suas vendas sejam originárias dos modelos Z’10 e Q10, os dados não deixam de ser um balde de água congelada para os canadenses.

Por outro lado, a guerra para a Microsoft ainda não terminou. Mesmo com o aumento expressivo nas vendas, o Android e o iOS ainda estão muito na frente do Windows Phone. As vendas globais dos dois líderes do mercado mobile, combinadas, aumentaram em 13.2% durante o segundo trimestre de 2013. Ou seja, podemos dizer, sem medo de errar, que os sistemas da Google e da Apple ainda serão dominantes nesse segmento por muito tempo.

A conclusão que podemos tirar de todos esses números não pode ser outra: as gigantes do mercado seguem sendo gigantes, com números de venda que ajudam a manter Android e iOS na liderança Por outro lado, o terceiro colocar já tem um dono: o Windows Phone. Já a BlackBerry tem que trabalhar muito para tentar recuperar esse posto. E quanto mais o tempo passa, a impressão que dá é que a missão dos canadenses é cada vez mais complicada.

Uma última informação: do mercado de smartphones com Windows Phone, 80% desses dispositivos são fabricados pela Nokia. Nenhuma surpresa aqui, certo?

Via Gadgetos