windows-hello

O sistema de autenticação Windows Hello é capaz de diferenciar a gêmeos, um detalhe que nos permite calcular até que ponto é interessante esse novo sistema biométrico da Microsoft.

O Windows Hello é, em essência, um sistema de reconhecimento facial pensado em eliminar o uso das senhas no Windows 10. Tal mecanismo de autenticação gerou uma grande expectativa, principalmente na promessa em relação ao aproveitamento das tecnologias avançadas da câmera, o que tornaria as fraudes muito mais complicadas de acontecer.

Tal recurso gerou diferentes testes que mostram que uma simples foto não era capaz de enganar ao sistema, nem mesmo um vídeo, mas a autêntica prova de foto veio com o uso de gêmeos. Nesse sentido, o Windows Hello foi submetido a testes complexos, utilizando gêmeos de diferentes idades, mas de um modo geral com resultados muito positivos.

windows-hello-01

Com as gêmeas mais velhas, o sistema não teve problemas, e conseguiu uma detecção fácil e rápida, com pequenas falhas entre diferentes usuários. Já nas gêmeas mais novas, o Windows Hello não conseguiu fazer uma identificação adequada, sendo incapaz de diferenciar as duas.

windows-hello-02

Os resultados parecem indicar que a idade afeta de algum modo a distinção que é capaz de realizar o sistema, talvez porque as diferenças minimamente perceptíveis entre os gêmeos são menores ao ser mais jovens.

Via Neowin