licença-windows-7

Como você bem sabe, todo aquele que tiver uma cópia válida e legal do Windows 7 e do Windows 8.1 poderá atualizar gratuitamente para o Windows 10 de graça durante o primeiro ano de vida do novo sistema operacional. Uma realidade que beneficia um lucrativo negócio centrado nas vendas de licenças do Windows 7 com baixo custo.

O sucesso do negócio é evidente, e permite o acesso ao Windows 10 por valores que em alguns casos são muito menores do que aqueles adotados pela Microsoft na venda oficial de suas licenças. Logo, é fácil compreender porque temos uma exagerada demanda dessas licenças em sites como eBay ou Mercadolivre. E a tendência é que esse fenômeno só vai aumentar nas próximas semanas.

Talvez para mais de uma pessoa isso não seja algo muito ético, mas a verdade é que, caso a licença em questão não conte com uma origem ilícita de qualquer espécie, o movimento de venda é totalmente legal, onde o usuário pode se valer disso para economizar um bom dinheiro, e o vendedor para lucrar alguma coisa.

O mesmo vale para as licenças do Windows 8, já que também são válidas para atualização gratuita para o Windows 10, apesar do fato que essas licenças não contam com a mesma demanda do que as licenças para o Windows 7, por uma razão muito simples: o baixo prestígio do Windows 8 junto aos usuários.