Julian Assange acabou mordendo a própria língua.

Ele desafiou qualquer um que tentasse hackear o sistema de segurança do Wikileaks após um recente conflito com o Anonymous, e parece que alguém conseguiu driblar suas barreiras.

A página inicial do Wikileaks sofreu uma inesperada alteração, exibindo no lugar de sua interface habitual uma mensagem que informava o hackeo do sistema.

 

 

O autor do ataque foi o grupo de hackers árabes OurMine. Porém, não foi um ataque tão grave, já que foi um simples DNS Poisoning contra ohost do WikiLeaks.org para redirecionar para essa página inicial falsa.

Logo, foi questão de tempo para o site voltar ao normal. Porém, o OurMine promete que vai seguir violando as brechas oferecidas pelo Wikileaks.

Em resumo: Julian Assange tem um novo problema para lidar daqui por diante.

 

Via The Guardian