650_1000_background

A Vestigen tem a intenção de criar módulos para o smartphone modular Project Ara que serão capazes de reconhecer e analisar o sangue de um paciente, para identificar o nível de açúcar no mesmo, ou até analisar a água, para determinar se é ou não potável.

O CEO da empresa, Alexander Krisko, apresentou esse e outros projetos relativos ao Project Ara em Cingapura (vídeo a seguir).

Ele disse que a tecnologia empregada nos módulos é própria, o que nos leva a pensar que o projeto da Google não é mero divertimento para alguns, mas que pode se tornar em uma revolução para uma maior qualidade de vida da humanidade.

O custo dos elementos pode ser muito menor do que em dispositivos dedicados, o que devemos unir às possibilidades de comunicação que o smartphone aspira.

650_1000_2-2

Via Vestigen