A consultoria IDC informa que mais de 370 mil tablets foram comercializados no Brasil apenas no primeiro trimestre de 2012. Esse número é 351% maior se comparado ao mesmo período de 2011. A estimativa do instituto que fez o estudo de mercado é que outros 2,5 milhões de tablets sejam vendidos até o final de 2012. Em 2011, foram vendidas 800 mil unidades, e se a previsão for confirmada, a alta será de 212,5%. A taxa de crescimento de tablets no Brasil é mais acelerada que a dos notebooks e desktops, que já contam com um mercado saturado. Em 2010, o mercado brasileiro comercializou apenas 110 mil unidades do produto.

Via AdNews