O Google se comprometeu com a FIFA em retirar do seu site de vídeos, YouTube, todos os cliques que possam violar os direitos autorais a respeito da Copa do Mundo FIFA 2010. Através da ferramenta Video ID, todo o conteúdo capturado pela televisão será detectado e apagado automaticamente. O sistema conta com uma lista de referências, que compara dados das imagens originais com as imagens postadas. A partir daí, os donos das imagens (canais de TV, por exemplo), podem escolher entre três políticas oferecidas: transformar em dinheiro os cliques gerados pelo vídeo, rastrear o último usuário que postou o vídeo ou bloquear a transmissão no YouTube. Porém, o Video ID só vai funcionar se os detentores dos direitos enviarem os arquivos de referência para o YouTube, e isso vai acontecer durante a Copa do Mundo.

Fonte