motorola-moto-g-0000

O mercado de smartphones de entrada estará muito aquecido em 2014. Se a Nokia já mostrou em 2013 com o seu Lumia 520 que existe um grande potencial nesse segmento, a Motorola confirma essa tendência com o Moto G. E quer ir além disso. Em recentes declarações para o Trusted Reviews, o CEO da empresa, Dennis Woodside, confirma a possibilidade da Motorola oferecer ao mercado um smartphone “decente” por US$ 50.

Woodside não especificou quando poderemos ver o produto nas lojas, nem as suas possíveis características técnicas. Apenar confirmou que sua ideia é oferecer algo diferente, voltado para a personalização dos itens mais interessantes do dispositivo. Também não está muito claro se esses planos envolvem apenas o mercado norte-americano, ou se eles pretendem expandir a ideia para o mercado internacional.

Vale lembrar que o Moto Maker, serviço de customização do Moto X, não estará disponível em alguns mercados da Europa, assim como está em um lento processo de implantação no Brasil.

Além disso, a Motorola sugere que o tamanho de tela e as funcionalidades do smartphone estão nessa lista de personalizações desse possível futuro dispositivo. E aqui, já dá para começar a pensar no tal telefone modular da Motorola, cujo conceito foi recentemente apresentado.

Será que teremos mais novidades sobre esse projeto de baixo custo da Motorola durante a Mobile World Congress 2014? Afinal de contas, seria o local perfeito para um anúncio desse porte. Uma coisa é certa: 2014 será cheio de novidades para o segmento de smartphones de baixo custo.

Via Trusted Reviews