nokia lumia 520

 

O Nokia Lumia 520, lançado em 2013, é um campeão de vendas no Brasil. Não foi atualizado para o Windows 10 Mobile, mas suporta o Android 7.1 Nougat.

E seu smartphone top de linha supercaro, não!

 

 

Nokia Lumia 520 sambando na cara da sociedade

 

O Nokia Lumia 520 possui processador Snapdragon S4 Plus dual-core de 1.0, 512 MB de RAM, 8 GB de armazenamento e bateria de 1.430 mAh. Ou seja, mais smartphone de entrada, impossível.

Mesmo assim, um desenvolvedor conseguiu fazer rodar nele a CyanogenMod 14.1 com o Android 7.1 Nougat.

O desempenho não é lá essas coisas, mas considerando seu hardware, pode ser chamado de decente. A interface inclui as principais novidades do Android Nougat, como o novo painel de configurações e o modo de rodar dois aplicativos na mesma tela dividida.

É importante registrar que os apps da Google não foram integrados à ROM, o que ajuda no desempenho (sai de mim, Google Play Service!).

O mesmo desenvolvedor repetiu o experimento no Nokia Lumia 525, que tem 1 GB de RAM. Nele, o Android 7.1 Nougat rodou bem, com a Pixel Launcher e animações de interface ativas.

A seguir, os vídeos com os dois experimentos.

 

 

Via OnMSFT