650_1000_113

A empresa chinesa WinSun, que recentemente conseguiu imprimir 10 casas em 24 horas, tem um novo projeto ainda mais surpreendente: um edifício de cinco andares, construído com uma espécie de argamassa e material reciclado procedente do cristal e restos de materiais de construção triturado, que previamente foi impresso em três dimensões nas instalações da empresa.

A única coisa que deve ser montada de forma diferente é a fundação do prédio. A base recebe grandes peças impressas e parte do mobiliário interior. Na parte das paredes, temos um computador instalado em uma estrutura oca, que recebe o dispositivo de forma simples, e uma parede com forma curvada, para ser mais resistente. Além disso, nos locais onde a legislação local exige, uma estrutura interna metálica pode ser adotada.

650_1000_20150114015505553

Este método de construção é, além de mais rápido (entre 50% e 70% da construção tradicional), é muito vantajoso no uso de materiais. É possível economizar entre 30% e 60% do material, assim como a mão de obra, que pode ser reduzida em 80%, dependendo do tipo de construção a ser realizada.

Por enquanto, esse edifício (e a mansão da foto acima) são as obras mais relevantes da empresa, mas a ideia é poder implementar o projeto, melhorando as técnicas de design, impressão e montagem, que podem resultar em construções de maior envergadura, como pontes e grandes arranha céus.

+info