samsung-series9-1080p

Eis que temos um post sobre a Samsung que não está falando sobre o Galaxy S4. A fabricante sul-coreana decidiu atualizar o seu ultrabook Series 9, que passa a oferecer uma tela com resolução de 1080p, tal como os seus principais concorrentes oferecem, e se aproximando das necessidades dos usuários, que cada vez mais consomem conteúdos em alta definição.

Levando em conta que os ultrabooks são produtos que não podemos chamar de baratos (longe disso…), a Samsung parece ter decidido que chegou a hora de ajustar as suas características técnicas com o seu preço. E talvez o que realmente merece um maior destaque é mesmo essa nova resolução de tela, que agora é de 1920 x 1080 pixels (antes era de 1600 x 900). O tamanho de tela do Samsung Series 9 é de 13.3 polegadas (LED), e passa a contar com a tecnologia SuperBright, que segundo a Samsung oferece 50% a mais de brilho que as demais telas disponíveis no mercado.

Mas nem tudo são flores nessa atualização. De que vale você aumentar a resolução da tela, se essa mesma tela não conta com a tão em moda sensibilidade ao toque? Talvez seja uma opção da própria Samsung, mas não muito compreensível, uma vez que o modelo conta com o sistema operacional Windows 8, e todos os seus concorrentes adicionaram telas touchscreen por causa da nova interface de usuário da Microsoft. Depois eles reclamam que a venda de PCs não vai bem por causa do novo Windows. Também, pudera: não facilitam em nada a vida do usuário para minimizar o impacto da transição dos dois sistemas.

Nas demais especificações, encontramos um ultrabook com peso de 1.16 kg, medidas de 31.3 cm x 21.8 cm x 1.3 cm (o último valor é de espessura… só isso). Essas métricas abrigam um processador Intel Core i7-3517U, placa gráfica Intel HD Graphics 4000, 256 GB de armazenamento em SSD (oferecendo assim uma performance final de até 60% em relação aos seus concorrentes), 4 GB de RAM, duas portas USB (uma delas USB 3.0), e autonomia de bateria prometida de até 8 horas de uso. Preço sugerido de US$ 1.899.

 

Via Business Wire