uber

Em comunicado publicado em seu blog oficial, o Uber informa que voltou a oferecer os seus serviços no Estado de São Paulo.

Segundo a nota, a Justiça do Estado de São Paulo arquivou hoje (04) o processo iniciado pela Sintetaxi-SP, cuja liminar suspendia provisoriamente os serviços do Uber em todo o Estado. Os advogados responsáveis pelo processo já utilizaram os mesmos recursos em outras duas oportunidades, em nome de outras associações de táxi, e de acordo com o Uber, também perderam a causa na justiça.

Com a liminar revogada pelo tribunal, o aplicativo do Uber deve voltar às lojas de aplicativos do Windows Phone, Android e iOS de forma imediata, e para os usuários que contavam com o aplicativo instalado em seus smartphones – e estavam com o mesmo inoperante por conta da suspensão -, o serviço deve ser normalizado.

O Uber conecta passageiro e motorista através do aplicativo, agilizando o tempo de espera do transporte pelo passageiro. O aplicativo é acusado de fazer uma concorrência desleal com a frota de táxis, que precisam passar por uma série de trâmites burocráticos para operarem dentro da lei.

No comunicado, o Uber reforça ser ‘uma empresa de tecnologia que conta com motoristas profissionais parceiros’, e que todos os seus motoristas contam com licença para exercer a função, assim como qualquer outro motorista profissional, incluindo os taxistas.

Por fim, a Uber reforça o seu compromisso com os seus parceiros e usuários brasileiros, e defendem as inovações tecnológicas que oferecem novas opções seguras de mobilidade urbana.

Via Blog Uber