venezuela-twitter

Segundo a Bloomberg, o governo da Venezuela está bloqueando as fotos dos protestos ocorridos no país publicadas pelos internautas no Twitter, e a própria rede social confirma essa informação.

O país governado por Nicolás Maduro passam por dias turbulentos, com violentos protestos contra o modelo de governo de um modo geral, e especificamente contra os problemas de abastecimento de produtos básicos. Segundo as fontes internacionais, ao menos três pessoas faleceram nos protestos. E, como em outras manifestações populares ocorridas recentemente em outros locais do planeta, a população está utilizando as redes sociais para divulgar e denunciar o que está acontecendo na Venezuela nesse momento.

O Twitter não esclareceu qual é o mecanismo utilizado pelo governo venezuelano para impedir a publicação de imagens pelos internautas do país. Do mesmo modo, eles não sabem informar se a censura alcançou todos os provedores de internet do país.

Vale a pena ressaltar que não é uma tarefa fácil bloquear o acesso livre à informação na internet. Além de ser algo inaceitável nos tempos de hoje. O Twitter orienta os seus usuários venezuelanos a seguir recebendo atualizações via mensagens SMS, que não contém imagens, mas servem de medida contra a censura imposta pelo governo.

Via Bloomberg
Via Univision
Via Infobae