MWC 2017

 

A MWC 2017 chegou ao fim, e chegou a hora de declarar vencedores e perdedores do evento de Barcelona.

Esse post resume o melhor e o pior da feira, sob uma perspectiva diferente, escolhendo três vencedores e três perdedores. Apenas pela perspectiva de quem ganhou marketing positivo, e de quem tem que se explicar até hoje pelas suas decisões.

 

Os vencedores da MWC 2017

LG G6

 

 

O LG G5 foi tão flopado, que o LG G6 ser uma recuperação era quase uma obrigação.

Mas o melhor de tudo é que o novo top de linha dos coreanos foi um dos melhores da MWC 2017. Tem design muito atraente, tela praticamente sem bordas, câmeras muito promissoras, e mesmo com um processador mais limitado, já é um dos mais cobiçados nesse momento…

…apesar da promessa de um modelo capado no Brasil.

 

A câmera do Sony Xperia XZ Premium

 

 

Considerado o melhor smartphone da MWC 2017, o Sony Xperia XZ Premium tem como uma de suas principais qualidades a sua câmera.

O novo sistema Motion Eye deve entregar a qualidade que sempre esperamos da Sony. E a aposta é tão alta, que ela é exclusiva dos japoneses.

Definitivamente, é um recurso muito promissor.

 

 

Nokia 3310 (2017)

 

 

Nunca um celular tão básico foi tão comentado.

O Nokia 3310 é um equipamento com 2.5G, sem tela touch, com teclado físico, e sem WiFi ou GPS. Mesmo assim, a Nokia e a HMD Global souberam vender o produto de tal forma, que o mesmo monopolizou as atenções em um dia com anúncios da Samsung, um LG G6 espetacular e um poderoso Huaweei P10.

É para poucos.

 

 

Os perdedores da MWC 2017

 

Samsung

 

 

Ok, a Samsung apresentou bons tablets, mas… o que todo mundo queria ver em Barcelona ficou para o dia 29 de março. O Galaxy S8 foi o grande ausente da MWC 2017, e todo mundo ficou com aquela sensação de “no Galaxy, no fun”.

 

 

Windows 10 Mobile

 

 

Encontrar um smartphone com Windows 10 Mobile virou o mesmo que encontrar uma agulha no palheiro.

Ficaram para trás os anos em que esperávamos conhecer como seria o próximo Windows Phone da Microsoft.

Nesse momento, a plataforma está mais morta que viva, e pelo andar da carruagem seremos convidados para o seu velório a qualquer momento.

 

Toda a indústria de tecnologia

 

 

Quando um Nokia 3310 é um dos mais comentados do evento, vemos que o mundo da tecnologia tem poucas novidades para nos contar.

Pedimos por inovações, esperamos o máximo de cada empresa, e na hora H nos empolgamos com um dumbphone.

Nem WhatsApp esse celular tem! Fala sério!