iphone-5c2

Durante a apresentação dos resultados financeiros relativos ao último trimestre de 2013, a Apple revelou que vendeu 51 milhões de iPhones. Em nenhum momento foram reveladas as porcentagens de cada modelo, mas ao ser questionado pelos próprios investidores, Tim Cook, CEO da Apple, decidiu entrar em detalhes sobre como anda a vida do iPhone 5c no mercado.

Um dos participantes questionou por que as vendas do modelo não foram tão expressivas como o esperado. E, segundo Tim Cook, o culpado é um só: o iPhone 5s.

Palavras de Tim Cook:

Acredito que seja o iPhone 5s. As pessoas estão muito intrigadas com o Touch ID. É uma grande funcionalidade que entusiasmou as pessoas. Creio que isso, associado a outros elementos que são únicos do iPhone 5s, fizeram com que esse smartphone tenha muito mais atenção, e um maior volume de vendas.

Mesmo assim, Cook garante que muitos novos usuários do iPhone (novamente, sem revelar números) escolheram o iPhone 5c como o modelo de entrada aos telefones da Apple, algo que eles pretendiam com o modelo. Além disso, defende que apesar de demandas abaixo do esperado, eles conseguiram bons resultados, uma vez que lançar dois modelos diferentes era uma estratégia até então inédita para eles.

Mas ainda faltam os números. Desde o lançamento do iPhone 5c, muito se falou sobre a decepção das vendas do modelo, com a maioria dos usuários optando pelo iPhone 5s. O futuro do iPhone colorido ainda é incerto. Há quem diga que a Apple vai abandonar a ideia na próxima geração do smartphone, lançando dois modelos com tela de grandes dimensões, mas sem acabamento de plástico.

Obviamente, a Apple não revela os seus planos para o futuro. Mas não será surpresa se o iPhone 5c, como conhecemos, não estiver nesses planos.

Via Apple Insider