lg-oled-01

Depois da passagem do 3D pelas nossas vidas televisivas, nos últimos anos é o 4K e as telas curvas as características que os fabricantes mais enfatizam nas novas linhas de televisores. Em um segundo plano, ficam as telas e suas respectivas tecnologias.

Nesse sentido, a principal batalha ocorrida recentemente foi entre o plasma, o LCD e a OLED. Depois, LCD e OLED ficaram soberanas, e a LG decidiu que a sua aposta definitiva será na tecnologia OLED. A empresa anunciou que em 2018 eles vão investir quase US$ 9 bilhões para liderar o desenvolvimento da tecnologia OLED, independente do parecer de outros fabricantes.

O preço da tecnologia ainda é o principal obstáculo para a sua popularidade, e no aspecto técnico, as telas LED se tornaram sérios concorrentes a partir desse ano, com a inclusão dos nanocristais. Mesmo assim, a escolha da tecnologia OLED como principal baluarte na divisão de telas da LG não é algo que surpreende. Sua linha de TVs está fortemente baseada nessas telas, e em seus smartphones, eles são os que mais apostam nesse tipo de tela.

lg-oled-02

A flexibilidade, consumo e possibilidades de design são os principais argumentos nessa aposta, não só para os smartphones mas também para os televisores. A LG já trabalha forte para conseguir colocar no mercado telas OLED flexíveis, e todo o investimento será destinado para telas de TVs, smartphones, carros e wearables. Seu principal objetivo é se adiantar ao mercado, se posicionando tanto na cota de mercado como na tecnologia e fabricação. Desse modo, eles poderão compensar as perdas globais da empresa na divisão de telas LCD.

Via Reuters