Moto Z2 Force

O Moto Z2 Force possui uma tela “inquebrável”, de acordo com a própria Motorola. Mas se esqueceu de contar para todo mundo que fez isso trocando o vidro pelo plástico em sua superfície, o que resulta em um material mais frágil em relação aos riscos.

Grande parte da população utiliza smartphones com telas rachadas ou quebradas, e a ideia de uma tela “inquebrável” é sempre bem vinda, ainda mais em dispositivos com telas cada vez maiores e com bordas cada vez menores.

Por outro lado, ter telas de “plástico” não é uma novidade. Era comum nos Pocket PCs, Palms e celulares do passado. E esse tipo de tela nos obriga a utilizar películas para evitar riscos.

Pois bem, o Moto Z2 Force nos fez voltar ao passado, pois tem uma tela que pode ser riscada facilmente, com um simples passar de unha.

O mais estranho é que o Moto Z Force, com a mesma tela de plástico, era bem mais resistente à riscos. Fica aqui a pergunta: o que teria levado a Motorola a optar por um plástico mais vulnerável?

A Motorola justifica dizendo que os riscos são “algo subjetivo”, mas que trabalha para “melhorar o produto”.

Não é a primeira vez que um smartphone tem diferentes tratamentos. O Huawei P10 chegou sem tratamento olefóbico nos seus primeiros lotes, o que obrigou a marca a resolver o problema e adotá-lo nos lotes seguintes.

No caso do Moto Z2 Force, não estamos falando de marcas de dedos, mas da possibilidade da tela ficar seriamente riscada em condições normais de uso.

#FAIL Motorola…

 

Via Android Police