Asus Eee PC 1005

 

Mais uma vez vamos responder uma das dúvidas que recebemos através de nossos canais de contato oficial. Se você tem uma dúvida sobre o mundo da tecnologia, mande para nós na nossa área de contato, ou em nossa conta do Twiiter (@TargetHD). Se ela for interessante o suficiente, vamos responder ela aqui no blog, em forma de um post.

Recebemos de um leitor a seguinte dúvida por e-mail:

“Bom dia, Eduardo. Quero comprar um netbook e vi sua matéria no YouTube sobre o ASUS Eee PC 1005. Gostei muito dele e da matéria, mas depois entrei no seu blog e vi que a empresa (ASUS) vai parar com os netbooks. A minha pergunta é: se o netbook der algum problema, vou ter assistência técnica para ele? Obrigado.”

Resposta:

Os netbooks realmente vão fazer falta. Aliás, vou correr atrás de comprar um modelo, mesmo que seja para guardar como relíquia. Mas respondendo a sua pergunta, a resposta é SIM, mas existem alguns detalhes que você precisa saber. O primeiro deles é que, se você realmente quer um modelo ASUS Eee PC 1005ha, é melhor correr. O anúncio do fim da produção dos netbooks da ASUS foi feito em setembro de 2012, e nos principais sites de e-commerce nacionais, ele já não está disponível. Ou seja, as chances de você comprar um modelo novo desse produto caem a cada dia.

Outro aspecto a ser observado é justamente essa questão da assistência técnica. Pelas vias formais, ou através de uma assistência técnica autorizada, você terá o suporte até um certo tempo. O Código de Defesa do Consumidor (Art. 32) diz claramente que todo e qualquer fabricante instalado no Brasil, com produtos lançados em nosso mercado, deve prestar assistência técnica para um produto retirado do mercado após um tempo não determinado. Isso fica a critério do fabricante (ou, nesse caso, a ASUS do Brasil), mas essa assistência técnica via autorizada pode simplesmente acabar a qualquer momento, uma vez que, oficialmente, o produto não está mais no mercado.

Você também pode buscar uma assistência técnica “informal”, uma vez que todo computador portátil é construído da mesma forma, e um bom técnico consegue detectar problemas em qualquer tipo de equipamento. Porém, ele pode esbarrar no problema de não encontrar a peça para manutenção do produto (uma vez que ele foi descontinuado, e o fabricante não mais produz tal peça).

Resumindo: você ainda tem o suporte técnico e a assistência na autorizada para um produto que já saiu do mercado. Mas até um determinado período. Esse suporte pode ser extinto a qualquer momento. Um exemplo disso é a Microsoft, que informa com grande antecedência quando vai parar de dar suporte para as suas versões do Windows, até para que o usuário se encarregue em atualizar a versão do seu sistema operacional. Logo, veja bem se vale a pena fazer esse tipo de investimento.