Arquivo para a tag: WinMo

[software] Home Tab Mod 1.7 para o Sense 2.5 dá um ar novo ao Windows Mobile

by

Se você pensa em personalizar a interface do seu Windows Mobile, a interface do Sense 2.5 da HTC acaba de receber um presente vindo da CookieMonster e do pessoal da xda-develpers.

Eles apresentaram o Home Tab Mod na versão 1.7, que conta com uma bela gama de opções, que se adaptam a quase todos os gostos. Tanto que se você quiser, pode ver a previsão do tempo com uma lista de cidades que você mesmo indica no sistema, adicionar atalhos de seus aplicativos preferidos ou notificações de suas ligações recebidas, mensagens e e-mails. Mas melhor do que ficar falado é você ver a interface em ação no vídeo abaixo.

Fonte

[software] Temas do Windows Phone 7 para Windows Mobile aparecem no fórum da XDA Developers

by

Se você tem um celular com Windows Mobile, e não quer esperar pelo lançamento do Windows Phone 7 Series, não precisa esperar mais. O desenvolvedores do fórum XDA Developers podem te ajudar a testar algo parecido com o que será o novo sistema operacional.

A comunidade está publicando temas para WinMo, com boas partes das funcionalidades do novo SO móvel da Microsoft. Um destes temas foi desenvolvido pelo Jaxbot, e ainda que seja lendo e com alguns bugs, ele oferece algumas funcionalidades com os quadros, incluindo a opção de mostrar os registros de calendário. Outros temas podem mostrar data, hora e notificações, além de oferecer animações e alguns hubs, para acesso à jogos, multimídia e Office.


Fonte

[pra descontrair] Gadget Fake: HTC Tattoo agora possui WinMo

by

Você pensava que o HTC Tattoo só existiria com versões Android? Ledo engano! Diretamente da Ásia, mostramos para você este simpático aparelho de US$ 169, que vem com o sistema operacional da Microsoft. É claro, poderia dizer tudo isso para você, se você não se atentasse bem para alguns detalhes da foto (e das características do aparelho), e percebesse que é mais uma imitação oriunda daquelas bandas. Mas, para os mais leigos, pode até parecer mesmo o sistema Windows Mobile 6.5. O aparelho conta com GPS, rádio FM, Bluetooth estéreo, bateria reserva e tela touch de 2,8″. Resumo da ópera: fuja, pois… “é uma cilada, Bino”!

Fonte

[MWC 2010] A Acer com vários aparelhos novos: neoTouch P300 e P400 e o beTouch F400 e F110

by

Ok, nós bem sabemos que a Mobile World Congress acabou, mas temos os nossos retardatários. Por isso, eventualmente, vamos postar algumas coisas interessantes que ficaram para trás mediante o volume de informações que foram postadas na semana passada. Começamos pelas novidades que a Acer mostrou em Barcelona.

A série neoTouch, composta pelos aparelhos P300 e P400, é baseada no Windows Mobile 6.5.3., e tentam combinar trabalho e prazer em um mesmo aparelho. Eles contam com tela de 3,2″, conector de fones de ouvido, WiFi e 3G+. A principal diferença entre os dois fica por conta do teclado QWERTY físico do P300. Além disso, esse modelo incorpora um processador Qualcomm 7225, de 528 MHz, conexão Bluetooth 2.0 e uma bateria com energia para 4 horas de conversação e 400 horas em standby. No caso do P400, temos que falar de um processador Qualcomm 7227 funcionando a 600 MHz, Bluetooth 2.1 +EDR e até 5 horas de autonomia de conversação.

Além disso, a Acer também apresentou os terminais E400 (imagem abaixo) e E110, dois smartphones de linha intermediária, que se acoplam dentro da chamada família beTouch.

O E400 é um terminal de tela touch (resistiva) de 3,2″, sistema operacional Android (2.1) e um processador de 600 MHz parecido com o do P400 (Qualcomm 7227). Seu design mostra em sua parte inferior quatro teclas de controle de toque. Ele também possui WiFi, Bluetooth 2.0 e A-GPS, além de acelerômetro, slot para cartões microSD e câmera de 3.2 MP com geo etiquetas e gravação de vídeo. Prometem até 5 horas de autonomia em conversação.

Já o discreto E110 conta com uma tela touch um pouco menor que o E400, com 2.8″, e seu desenho é mais simples do que os demais. Com uma câmera de 3 MP (com gravação de vídeo), o aparelho também oferece Android como sistema operacional, rádio FM e GPS integrado. Sua bateria tem autonomia de 7 horas de conversação, e é um aparelho básico, para quem não quer complicações. É uma pena que este aparelho não possui WiFi.

Fonte

[MWC 2010] As primeiras impressões do Windows Phone 7 Series #mwc2010

by

Já dissemos isso antes: esqueça do Windows Mobile, seus ícones, seus travamentos e seu mal funcionamento. Ainda que você não possa acreditar, a Microsoft criou um novo sistema operacional que não se parece em nada com os anteriores, radicalmente diferente em sua concepção de qualquer outro produto da família Windows Mobile. O pessoal do Engadget.com esteve com um protótipo com WinMo7 nas mãos, e passa as suas impressões.

Sua inspiração no Zune é evidente logo à primeira vista, mas obviamente vai muito mais longe em termos de usabilidade. Levando-se em conta que não existem telefones “de verdade” para se manusear na MWC, devemos nos conformar com as impressões obtidas com o software instalado nos protótipos que foram apresentados pela Microsoft. O design e a disposição da interface Metro foram criados por um ex-designer da Nike, que nas suas próprias palavras, buscava um visual autenticamente digital de desprovido de cromo. Em outras palavras, isso significa uma ausência absoluta de sombras e fundos muito minimalistas. O texto se mostra limpo, em um contraste que faz parecer estampado, e todas as transições acontecem de forma rápida e prática.

Na sua tela inicial, a antiga interface do WinMo foi redesenhada por completo, restando agora duas colunas de quadros (ou apenas uma, se você assim preferir), com acessos diretos aos aplicativos e contatos. Ainda que a Microsoft não permitirá interfaces personalizadas (pelo menos inicialmente), será permitido que operadoras e usuários modifiquem o aspecto das opções disponíveis no menu iniciar. Um de seus detalhes mais interessantes é que se pode designar contatos de atualização automática, de forma que cada vez que um de seus amigos mude de status, o ícone dele vai modificar automaticamente. Tudo muito minimalista, e até um pouco mais do que poderíamos esperar. A Microsoft vai colaborar com os desenvolvedores de widgets, então, não vai demorar muito para se ver todo o tipo de aplicativos para se integrar a este novo menu.

Não há mistério quanto à parte de navegação do sistema. Se você já usou um Zune HD alguma vez na vida, vai conseguir usar bem o WinMo7. Textos com letras bem grandes, telas em slide à direita e à esquerda (com flechas indicando as direções), e um acabamento tão simples que qualquer criança poderá utilizar em cinco segundos (basta que a criança saiba ler, basicamente). O calendário éum grande exemplo da redução gráfica aplicada pela Microsoft, e o navegador web até parece monocromático, exibindo o básico para funcionar. O Windows Mobile 7 Series é multitouch, e tanto a sua navegação na internet quanto a visualização de fotografias permitem o zoom com os dois dedos. Para reprodução multimídia, não há segredo: ele é um Zune puro e simples.

Podem gostar ou não, mas a Microsoft fez com o 7 Series o que ninguém esperava dela. A Microsoft finalmente resolveu se arriscar, se atirar de cabeça em uma nova filosofia, em um sistema inovador. E era isso que os seus consumidores pediam do novo sistema. Enquanto os programas para o sistema vão chegando, eles vão ter tempo de aparar algumas arestas do novo sistema operacional. Afinal de contas, uma coisa é dizermos que o 7 Series é bonito, outra muito diferente é confundir beleza com perfeição. O navegador, por exemplo, poderia ser mais rápido na hora de carregar as páginas, e a interface nem sempre responde ao toque com uma resposta precisa e instantânea. Mas, ainda assim, a impressão que se teve foi de algo muito bom já no seu estágio beta, e um avanço exponencial em relação ao 6.5, e com uma estabilidade muito superior em relação ao Bada. É, pessoal… a Microsoft entrou na briga de vez.

Fonte

[MWC 2010] Windows Phone 7 Series. Em outras palavras: adeus, Windows Mobile, e até nunca mais! #mwc2010

by

Esqueça de todas as versões do Windows Mobile que você viu até ontem. Esqueça, de verdade, que o Windows Mobile existe. O novo sistema operacional móvel da Microsoft se chama Windows Phone 7 Series, e quer fazer com que qualquer lembrança de seu anterior seja, no máximo, uma lembrança.

Apresentado oficialmente em Barcelona, seu novo sistema operacional é uma mudança radical que simplesmente destrói com toda a violência tecnológica possível e imaginável as versões anteriores. Eles fizeram tudo do zero, tanto na sua programação como, principalmente, seu visual.

Confirmando os rumores dos últimos dias, o Windows Phone 7 Series conta com uma interface redesenhada, que oferece integração com o Xbox Live e o Zune, sendo que o último serviu de inspiração gráfica para os menus do sistema, que são compostos por grandes ícones textuais, que deslizam de forma suave pela tela, dando acesso à funções sociais, multimídia e jogos, integrando-se com jogos do Xbox Live, avatares e perfis. Da mesma forma que os proprietários de um Mac possuem benefícios por comprar um iPod/iPhone pela sua integração, agora, os usuários de um Xbox 360 poderão desfrutar de uma experiência unificada, ao adquirir um telefone com Windows Phone 7 (e vice versa).

Finalmente a Microsoft colocará uma série de requisitos em termos de hardware para os telefones 7 Series. No lugar de oferecer o software para quem quiser, a empresa de Bill Gates especificará a CPU mínima e sua velocidade em MHz, a quantidade de memória RAM, a resolução da tela e a configuração de seus botões, garantindo sempre números mínimos para todos os novos aparelhos que podem ser lançados no mercado. Na prática, isso significa que os primeiros modelos serão relativamente similares, compartilhando as mesmas características e três botões frontais: Back, Start e Bing. Além disso, todos os 7 Series terão a mesma interface básica, terá widgets e múltiplas possibilidades de configuração.

Mais informações no site oficial do Windows Phone 7 Series.

Fonte

MWC 2010 | Adobe sem flash no Windows Mobile 7, mas com Adobe AIR no Android #mwc2010

by

Duas novidades da Adobe direto de Barcelona, na Mobile World Congress 2010.

Bom, a Microsoft anunciou mesmo o Windows Phone 7 (veremos mais dele daqui a pouco aqui no blog). A Adobe meio que colocou água no chope da empresa de Bill Gates, confirmando que o Windows 7 não vai suportar a plataforma Flash, pelo menos neste estágio inicial de lançamento. A única versão disponível é a 6.5.3., que possui suporte à Flash 10.1 beta, mas não temos nada confirmado, nem por parte da Adobe sobre esta tal atualização (fonte: PhoneScoop).

Mas, para os felizes proprietários do sistema Android, temos boas novidades vindas de Barcelona. A plataforma Adobe AIR e a versão 10.1 do Flash chegam aos aparelhos do sistema operacional do Google, justamente por se tratar de uma plataforma aberta para desenvolvimento de aplicativos e jogos. A Adobe anunciou que a plataforma AIR vai chegar aos poucos em outras plataformas como Symbian, BlackBerry OS e Windows Mobile. A previsão é que mais de 250 milhões de smartphones desfrutem desta possibilidade no ano de 2012.

Fonte

[smartphone] Garmin-Asus nüvifone A50 e M10: Android e Windows Mobile, para agradar a todos

by

Estes dois aparelhos é a largada oficial da Garmin-Asus para a edição 2010 da Mobile World Congress.

Começamos pelo Garmin-Asus nüvifone A50, um aparelho Android que espera te oferecer o máximo em tecnologia de posicionamento GPS. O aparelho possui uma tela touch capacitiva de 3,5″ (HVGA), prometendo assim a melhor experiência de navegação que um smartphone pode te oferecer, com função turn-by-turn e direcionamento por voz, que permitirá ao usuário utilizar o seu telefone como GPS com eficiência, tanto pelo seu carro quanto à pé. Além disso, ele oferece a possibilidade de downloads de múltiplas aplicações relacionadas como o cityXplirer, para planejar suas próprias rotas, informação do tráfego em tempo real, previsão do tempo, etc.

Falando um pouco mais de suas funções de telefone, ele possui uma interface simples e amigável, tem 4 GB de memória interna, slot para cartões microSD, acelerômetro, câmera de 3 MP (com auto foco e geotag), sincronização com Microsoft Exchange, entre outros. O nüvifone A50 está disponível na Europa na primeira metade do ano, mas teremos que ser pacientes para saber a data exata que chegará nas lojas e o seu preço. Mais informações saberemos em Barcelona, na semana que vem.

Agora, falamos do Garmin-Asus nüvifone M10, que se diferencia do A50 por ter a última versão do Windows Mobile dentro de si (versão 6.5.3). Na verdade, ele já estava sendo visto por aí em imagens que rolavam na internet, porém, agora ele se torna oficial.

Enquanto que a maioria dos usuários da plataforma de Bill Gates espera pela versão 7 do sistema mobile, podemos dizer que o M10 está equipado com um processador Qualcomm MSM 7227 de 600 MHz, 512 MB de RAM, alguns outros megas de ROM, 4 GB de capacidade interna e uma tela WVGA de 3,5″. O interessante deste aparelho é que, aparentemente, boa parte do seu software estará perfeitamente integrado ao GPS, dado que ele oferecerá funções de localização no calendário, no navegador web e nos clientes de mensagens instantâneas/correio eletrônico. Se tudo der certo, este novo aparelho chega para as vendas também na metade de 2010. Preço? Provavelmente vamos saber em Barcelona, na Mobile World Congress.

[smartphone] Garmin-Asus Nuvifone M10 já pode ser reservado em Taiwan

by

Apenas um dia depois deste nosso novo e pequeno amigo com Windows Mobile 6.5.3 se tornar conhecido por nós, já é possível encontrá-lo para reserva em um site taiwanês, com a confirmação por parte da Garmin-Asus de que ele começa a ser vendido em 6 de fevereiro.

A página também confirma as espectativas do M10 com um display de WVGA de 3,5″ e câmera de 5 MP, além de 512 MB de RAM e ROM, assim como um slot para microSD. Conta com processador Qualcomm de 600 MHz, e bateria de 1500 mAh. Tudo isso por um preço de aproximadamente US$ 435.

Fonte

[games] Rumores e notícias no mundo Xbox e no mundo Wii

by

Rumores é algo que existe no mundo da tecnologia para que as coisas se mantenham movimentadas. Desta vez, os rumores são do mundo dos games. Mas não se preocupe: também temos notícias confirmadas.

Depois das suas ofertas de trabalho publicadas em seu site, agora a Microsoft deixou vazar um documento onde aparece um esquema em que todo o ecossistema Xbox Live abraçará outros dispositivos, como computadores com Windows e telefones com Windows Mobile instalados. Como você pode ver na imagem acima, o Xbox Live se extende desde sua primeira geração até o console Xbox 360, telefones Windows e PCs Windows. Além disso, informa que a Xbox Live Games é a versão móvel dos serviços Xbox Live dispoíveis nos Windows Phone. Ok, ainda segue sem ser oficial, mas estamos muito perto do início da Mobile World Congress, onde certamente esta notícia pode ser confirmada. Ou não.

Mudando um pouco de assunto, esta aqui já é oficial. O Nintendo Wii norte-americano também oferecerá conteúdos em streaming, e fará isso em muito breve, mais precisamente no início da primavera (do hemisfério norte). Seguindo o exemplo do PlayStation 3, será necessário o uso de uma HD especial, ainda que o formato HD fique de fora, uma vez que o console só pode mostrar imagens a 480p. Incluir este serviço no console da Nintendo não terá nenhum custo adicional para quem já paga mensalmente o serviço do Netflix, o que é uma notícia muito boa pra todo mundo.

CES 2010 | As novidades (por enquanto) da LG para a #ces2010 não são poucas #ces

by

A LG veio cheia de novidades para a CES 2010, em Las Vegas. A primeira delas tem a ver com a parte de telefonia.

A primeira delas veio como quem não queria nada. No meio de sua conferência de imprensa, do nada, eles informa que aparelhos com Windows Mobile 7 chegarão no mercado ainda em 2010. Ainda que tecnicamente isso não seja uma grande revelação, um anúncio vindo de um grande fabricante comprova a disponibilidade de hardware compatível com o SO móvel da Microsoft. Maiores detalhes não foram revelados naquele instante, mas posteriormente, a Microsoft, que entrou em contato com o pessoal do Engadget, informou que houve um erro, uma vez que os apresentadores queriam dizer que o Windows Mobile 7 PODERIA chegar ainda este ano, mas não tem nada de certo. Pelo sim, pelo não, vamos ver o que acontece.

Ainda falando de mobilidade, rodando pelos corredores do evento, foi avistado o LG GW990, um MID muito atraente, vendo de longe. Roda com o novo Intel Moorestown como processador, uma tela panorâmica de 4,8″, vídeo HD, jogos 3D, aGPS, WiFi, bateria de 1850 mAh, bússola digital, HSPA rádio e câmera de 5 MP. Se isso te parece pouco, parece que inclui também um alto falante para chamadas VoIP, sua tela tem três painéis independentes de informações personalizadas para agenda, e-mail, etc.

Agora, vamos para as TVs e players de Blu-ray.

A LG na sua conferência de imprensa se resumiu a TVs e nada mais. Tanto que, 39 modelos de TVs LCD foram lançados na feira de Las Vegas, e 8 aparelhos de tecnologia plasma foram anunciados, que variam de 42 até 60″. Os modelos maiores trazem uma nova característica chamada TrueSlim, uma nova família de TVs com apenas 2,2 centímetros de espessura, além de conectividade sem fio. Os modelos são o PK950 (o da foto acima), e o PK750, que oferece um serviço de streaming de vídeo chamado NetCast, que permite reproduzir conteúdo de serviços como Skype, Netflix, VUDU, YouTube, Napster Divx e Yahoo Widgets. Os demais modelos virão com a já conhecida conexão DLNA. Estas TVs virão com um hub sem fio que eliminará qualquer cabo a uma distância de 30 metros. Inclusive, o controle do PK950 será muito parecido com o controle do Nintendo Wii, com o nome Magic Hand.

Este foi outro produto que chamou muito a atenção. É um atraente televisor 3D, que não teve nome anunciado, e que só se sabe apenas uma informação dela: seus 6,9 milímetros de espessura (talvez seja mais fino do que seu celular ou player de MP3). Sem sombra de dúvidas, esta é uma característica masi do que suficiente para que os olhos de todos caiam sobre ela.

Alem disso, merece destaque aqui o CF3D, que foi apresentado como o primeiro projetor de lente única, com Full HD e em 3D no mundo. Este projetor conta com uma auto calibração da imagem, duplo motor, duas HDMI 1.3, lúmens de 300 ANSI e uma única entrada. Por outro lado, confirmaram que eles já estão avançados no desenvolvimento de uma nova linha de HDTVs com Skype, porém rumores apontam que a câmera terá que ser adquirido a parte. A LG também informou que, oficialmente, que o sistema de DTV móvel será lançado no final de 2010, com preços a partir de US$ 250.

Por fim, um leitor de Blu-ray para fazer companhia com algumas destas TVs.

Não só de HDTVs vive uma empresa como a LG. Eles apresentaram também um leitor de Blu-ray que pode ser uma excelente companhia para as TVs que mencionamos hoje. O LG BD590 incorpora características interessantes, como WiFi, BD Live, VUDU e DLNA. Mas o que mais chama a atenção é que ele tem uma HD interna de 250 GB para poder armazenar outros filmes, fotos, músicas, etc. Além disso, existem dois modelos muito parecidos, que traz quase todas as características, menos o disco rígido. São os modelos BD570 e BD550.

LG eXpo, smartphone WinMo com micro projetor desmontável

by

lgexpopico1

O LG Snapdragon que estava sendo escondido da imprensa nas últimas semanas se chama eXpo, e foi anunciado pela AT&T nos Estados Unidos.

Este aparelho WinMo incorpora um teclado QWERTY slide, CPU de 1 GHz, tela touchscreen de 3,2″, WiFi, GPS, câmera de 5 MP, slot para microSD, conectividade HSPA e, como grande novidade, um micro projetor da Texas Instruments, que pode ser comprado à parte. O preço é de US$ 199 com um contrato de 2 anos, enquanto que o micro projetor sairá por US$ 179 adicionais.

lg_mobile_expo_hero_01_large

Fonte

[smartphone] Kempler Strauss Billionair 6. Nome demais, e nada mais.

by

A Kempler & Strauss acaba de anunciar um novo smartphone, dirigido aos usuários que buscam uma maior versatilidade, sem se importar muito com o formato. O Billionair 6 (ou B6) é um celular 3G HSPA, com um processador ARM a 624 MHz, rodando Windows Mobile 6.5. Nada muito revolucionário, ainda mais com um preço de US$ 260. Por este preço, oferece uma tela 240 x 320 de 2,8″, slot microSD com compatibilidade para cartões de até 4 GB, câmera de 3,2 MP, GPS, WiFI e acelerômetro. Completo? Sim, porém nem tanto. Já está à venda nos EUA.

Mais @Engadget.com