Arquivo para a tag: goophone

GooPhone ataca novamente, e já clonou o Galaxy Note 4 antes do seu lançamento

by

goophone-note4

Depois de clonar o HTC One (M8), e o iPhone 5C, a GooPhone ataca novamente, e publica o clone do Samsung Galaxy Note 4, antes mesmo dos coreanos apresentarem oficialmente o produto – algo que só deve acontecer em setembro, durante o Samsung UNPACKED em Berlim (Alemanha).

A GooPhone usa a tática de aproveitar as imagens previamente vazadas dos futuros lançamentos, além das informações coletadas de suas fontes próximas aos fabricantes de acessórios ou fornecedores de componentes dos fabricantes para criar o seu próprio modelo. E, por enquanto, o índice de acerto deles é elevado.

O modelo não decepciona muito nas especificações técnicas. O GooPhone Note 4 possui uma tela de 5.7 polegadas (1920 x 1080 pixels), um processador MediaTek de oito núcleos com 1.7 GHz de clock, 16 GB de armazenamento interno (expansíveis via microSD), 3 GB de RAM, câmera traseira de 13 megapixels e câmera frontal de 5 megapixels. Contando ainda com suporte micro SIM e bateria de 3.200 mAh, o conjunto é gerenciado pelo sistema operacional Android 4.4 KitKat.

Seu preço não foi mencionado, mas as reservas começam a ser aceitas a partir do dia 15 de setembro.

Via GizChina

Goophone já tem o seu clone do novo HTC One (antes mesmo do original ser anunciado)

by

goophone-m8-2

Se você pensava que a Goophone iria parar depois da cópia descarada do Galaxy S5, lançada apenas dois disas depois do anúncio oficial do novo smartphone da Samsung, você estava enganado. Muito enganado. Eles se superaram mais uma vez, com um novo clone, neste caso, do novo HTC One… que sequer é oficial!

Tal como você pode ver na imagem acima, a Goophone anotou direitinho tudo o que os últimos vazamentos indicavam que o próximo smartphone top de linha da HTC poderia ter (e não foram poucos vazamentos, é sempre bom deixar isso registrado), e acreditou ter material mais que suficiente para apresentar o seu novo Goophone M8.

Como toda boa cópia, o M8 precisou se ajustar ao seu preço ao máximo, distanciando suas especificações técnicas e características em relação ao original. Como consequência, o futuro comprador da cópia terá que se conformar com botões capacitivos no lugar das teclas ajustadas à interface dos taiwaneses.

Nas especificações, encontramos um smartphone com uma tela de 5 polegadas (1080p), processador octa-core (acredite, se quiser) de 1.7 GHz, câmera frontal de 5 megapixels, câmera traseira de 12.6 megapixels, apenas 1 GB de RAM e 16 GB de armazenamento (expansíveis via slot para cartões microSD).

O Goophone M8 tem preço sugerido de US$ 230. E muitos vão se perguntar: “precisamos mesmo conhecer o novo HTC One a essa altura do campeonato?”

Via Unwired View, Goophone

O Galaxy S5 já tem o seu clone: o Goophone S5

by

gs5---goophone

Eles fizeram de novo. A Goophone, especialista em clonar smartphones dos principais fabricantes do planeta, lança o seu clone do Galaxy S5. E dessa vez, em tempo recorde. Os chineses levaram apenas dois dias para apresentar o seu Goophone S5.

A cópia é praticamente idêntica ao original na sua estética, e apesar da sua pagina web indicar o produto como “fora de estoque”, ao menos podemos ver uma foto do mesmo. Porém, as semelhanças param na parte de fora. No seu interior, algumas diferenças são detectadas para baratear o custo final do produto. Mesmo assim, ele (surpreendentemente) não faz tão feio.

* Tela de 5 polegadas Full HD (1920 x 1080 pixels)
* Processador MediaTek MT6592 octa-core de 2 GHz
* 2 GB de RAM
* 32 GB de armazenamento interno (expansíveis via slot para cartões microSD)
* Câmera traseira de 13 megapixels com flash LED
* Câmera frontal de 5 megapixels
* Conectividades 3G (sem 4G) e WiFi 802.11 b/g/n
* Bateria de 2.800 mAh
* Sistema operacional Android 4.2 Jelly Bean

650_1000_goophones5

Este smartphone está disponível nas cores branco, preto, dourado e azul. Talvez a sua grande ausência esteja na conectividade LTE, mas o certo é que sua configuração até que está bem interessante, principalmente se levarmos em consideração o seu preço: US$ 299.

A Goophone não informa a sua disponibilidade, mas é provável que o mesmo esteja disponível no mercado lá fora em breve. Quem sabe você já não trombe com ele na sua próxima viagem ao exterior?

Via Goophone

…e a Goophone já clonou o Samsung Galaxy Note 3!

by

goophone-n3-1

A Goophone é mundialmente conhecida pelas suas cópias de smartphones top de linha de grandes fabricantes, mas podemos dizer também que ela é conhecida pela sua peculiar cara de pau. Não satisfeita em clonar vários modelos de iPhones (alguns antes mesmo da própria Apple anunciar o produto de forma oficial), eles agora investem nos dispositivos da Samsung, apresentando a sua versão do Galaxy Note 3.

O Goophone N3 FHD (onde o N3 é, presumidamente, de ‘Note 3’) é realmente muito parecido com o modelo da Samsung. O clone possui uma tela de 5.7 polegadas em Full HD (1920 x 1080 pixels), tal como no modelo que lhe deu a inspiração para esse lançamento.

Porém, as semelhanças param por aí. O Goophone N3 possui um processador quad-core MTK MT6589 de 1.5 GHz, 1 GB de RAM e 16 GB de armazenamento (expansíveis via slot para cartões microSD). O modelo vem com o sistema operacional Android 4.2 Jelly Bean, possui uma câmera traseira de 13 megapixels, e câmera frontal de 5 megapixels.

goophone-n3-2

Como você pode ver nas fotos, o design do clone da Goophone é muito similar ao Galaxy Note 3, incluindo a parte traseira, que possui um material que imita o couro. Ou seja, ele pode passar desapercebido para os olhares menos atentos.

O produto pode ser encontrado (lá fora) por US$ 250. Mas… será que vale a pena? Particularmente, não.

Via Nowhereelse

Goophone Smart Watch, um relógio inteligente que faz jus ao seu nome (em vídeo)

by

goophone-smart-watch-reloj-inteligente

A Goophone anunciou oficialmente o relógio inteligente Goophone Smart Watch, um dispositivo com tela de 1.54 polegada (240 x 240 pixels) que, longe de se limitar a ser um simples acessório Bluetooth para o nosso pulso, é capaz de se transformar em um companheiro de viagem totalmente autônomo.

No vídeo demonstrativo (que você pode ver no final desse post), é possível ver que o relógio é capaz de receber e realizar chamadas de forma independente para um telefone, além de oferecer navegação na internet, reprodução de músicas e até a captura de fotos (através de um sensor de 2 megapixels posicionado em uma de suas laterais).

No seu interior, temos um processador dual-core de 1.2 GHz, 512 MB de RAM e 4 GB de armazenamento, tudo isso gerenciado pelo sistema operacional Android 4.0, com acesso aos aplicativos da Google Play. E sim… sua interface de uso lembra muito o Windows Phone (você não foi o único a pensar nisso).

goophone-smart-watch-relogio-inteligente-blanco

O Goophone já pode ser reservado lá fora (nas opções de cores preto e branco), e deve começar a sua distribuição em breve. Seu custo é de US$ 250, para a sua versão 2G, e US$ 300, para a versão em 3G.

 

Via Goophone, Android Community, Gizchina

Goophone já apresenta o seu clone do iPhone 5C (que ainda não é oficial)

by

iPhone-5C-Clone

Já virou uma tradição. Antes mesmo da Apple tornar oficial um novo modelo de iPhone, a Goophone, fabricante chinesa que não nega que faz clones dos produtos da Apple antes mesmo deles serem oficialmente anunciados, já apresentou ao mundo a sua versão do iPhone 5C, que só deve ser anunciado no dia 10 de setembro (e nem essa data está oficialmente confirmada, por sinal). Conheça a seguir o Goophone i5C.

A regra da Goophone é a seguinte: se eles ainda não anunciaram, não podem chamar de cópia. Caso eles apresentem o mesmo produto, alegamos que lançamos primeiro. Se eles lançarem um produto minimamente diferente, estamos “na nossa”, pois não copiamos.

Acontece que o que a Goophone faz é algo que chamo de “clonagem especulativa”. Eles pegam diversas informações de design que vazaram na internet nos últimos meses, coletam as informações das características divulgadas, consultam as suas fontes entre os fabricantes de acessórios e componentes (que invariavelmente já receberam ao menos o mockup da versão final do produto), e lançam o smartphone, como se fosse um produto que eles “adivinharam” que seria assim.

De qualquer forma, vamos aqui detalhar as especificações técnicas do Goophone i5C. O modelo possui um processador dual-core de 1.2 GHz MTK MT6572 de 28 nanômetros, 1 GB de RAM, 4 GB de armazenamento interno, câmera frontal de 2 megapixels, câmera traseira de 8 megapixels, e sistema operacional iOS 7… ops, desculpe, falha minha… Android 4.2 Jelly Bean. O produto ainda conta com uma bateria de 2000 mAh, que promete uma autonomia de até 5 horas de conversação, ou 48 horas em standby.

Nada mal para um produto com preço sugerido de US$ 99. Detalhe: ele já pode ser adquirido na região asiática.

O original? Só no dia 10 de setembro. E olhe lá.

Via Geeky Gadgets, Giz China, AnyBuying

Na China: GooPhone X1 é “o smartphone com processador quad-core mais barato do mundo”

by

goophone-x1-worlds-cheapest-quad-core

Os chineses podem receber em breve um smartphone com um processador quad-core que custa menos de US$ 100. O preço é tão baixo, que consegue superar o novo smartphone da CCE, que vai chegar ao Brasil por R$ 900. A GooPhone, que é mais conhecida dos geeks de todo o mundo por lançar o fake HTC One (e por causa disso não recomendamos os seus produtos), anuncia o lançamento do GooPhone X1. Vamos aos detalhes.

O GooPhone X1 tem uma tela de 4.7 polegadas FWVGA (854 x 480), o já citado processador MediaTek MT6589 quad-core de 1.2 GHz, câmera traseira de apenas 2 megapixels, câmera frontal de 1.3 MP, 5120 MB de RAM, dual-SIM (afinal, os chineses adoram poder economizar nas chamadas telefônicas e nos planos de internet), bateria de 1.800 mAh e sistema operacional Android 4.2 Jelly Bean.

Como podem ver, é um típico modelo de entrada, com um chamativo de contar com um processador de quatro núcleos. Logo, apesar do produto contar com uma fluidez que se converte em uma boa experiência de uso, não espere que aquele jogo mais pesado seja executado em um smartphone com tais características.

Aparentemente, o GooPhone X1 só estará disponível na China ou, no máximo, em alguns poucos países da região asiática. Ou, quem sabe, em alguns mercados alternativos.

Via GizChina

E já temos um HTC One falso a venda na China

by

Chineses. Sempre rápidos. Sempre astutos. Sempre copiando. Até porque são eles que fabricam esses dispositivos. E, se não fabricam, conhecem alguém que enviam os moldes. Dessa forma, tão rápido quanto humanamente possível, uma cópia do HTC One já está disponível para compra na China antes mesmo do modelo original.

O GooPhone One parece com o HTC One, mas com um hardware muito mais fraco. Mas se você mora na China, você não vai pagar uma grana toda para um produto “premium”. Vai mesmo para a imitação para impressionar os amigos, e que é capaz de fazer (quse) a mesma coisa. Nesse caso, o falso HTC One possui dual-chip SIM com dual mode (GSM+CDMA) e tela de 4.7 polegadas (que com certeza não é a Full HD do modelo original), além é claro da presença do sistema operacional Android.

O que chama a atenção aqui é que o site que publica o produto na internet (GizChina) especula que esse HTC One genérico vem com 1 GB de RAM, processador MediaTek quad-core e até uma câmera traseira de 13 megapixels. Essas especificações podem fazer a alegria de muitos chineses não tão afortunados para comprar o modelo da HTC, mas não tenho certeza se ele pode compensar a satisfação de ter um modelo original nas mãos. Exceto é claro pelo fato do original não ter chegado ao mercado. De qualquer forma, nunca se sabe quando você, amigo leitor, vai preferir o smarphone genérico no lugar do oficial (não recomendo).

Seu preço não foi anunciado, antes que você me pergunte.

Via Unwired View

Conheça o Goophone I5, o clone chinês que patenteou o iPhone 5 antes da Apple (podendo assim processá-la por cópia) (com vídeo)

by

A história é tão inusitada, que vale a pena ser contada aqui. Veja bem, independente de como vai ser o iPhone 5 a ser apresentado amanhã, todos nós sabemos que ele é da Apple, tanto na sua concepção quanto no seu design, certo? Certo. Acontece que “o mundo é dos espertos”, e uma pequena fabricante chinesa chamada Goophone resolveu dar o pulo do gato contra a gigante de Cupertino de uma forma simples: usando o método “olhe, aprenda, copie… e registre antes deles”.

Com tantos vazamentos e rumores sobre o novo smartphone, principalmente sobre o seu futuro formato, a Goophone teve a “espetacular” (observe as “aspas”, e entenda que estou sendo irônico) ideia de reunir todas as informações possíveis sobre o design do futuro produto, e lançar antes da empresa de Cupertino o Goophone I5, com um formato que pode ser idêntico ao modelo que, hipoteticamente, eles lançaram primeiro. Mais do que isso: eles tiveram a ousadia de patentear o formato do Goophone I5 (que, lembrando, pode ser “o clone antes do original”) na China. Ou seja, no país asiático, eles são donos do formato do iPhone 5, mesmo ele sendo considerado um clone do original.

A estratégia da Goophone é bem simples. Se amanhã, nesse mesmo horário, o mundo estiver diante de um iPhone 5 com o mesmo formato que o “original” Goophone I5, a pequena clonadora vai simplesmente vetar na justiça chinesa a chegada do novo telefone da Apple no país, e vai exigir alguma grana (na verdade, muita grana) para liberar a Apple de comercializar o seu produto na China. É algo parecido com o que a Proview fez em relação ao nome iPad, que recebeu US$ 60 milhões para encerrar a discórdia. Porém, no caso Proview vs Apple, o nome iPad foi registrado no começo da década de 2000, onde o tablet da Apple nem era sonhado (poderia ser, no máximo, esboçado), e aí, a empresa de Cupertino teve que pagar pelos direitos do nome.

Para esquentar a briga, e com um tom quase ameaçador, a Goophone publicou em seu fórum de usuários um vídeo, que mostra mais detalhes sobre o seu “iPhone 5”. Lembrando que o Goophone IS possui tela de .47 polegadas (1280 x 7200, processador NVIDIA Tegra 3, câmera traseira de 8 megapixels e sistema operacional Android 4.1 Jelly Bean. Ou seja, até que o clone… ops, quero dizer, “original” (na China) não faz feio.

Na boa, os chineses foram caras de pau a ponto de colocar uma abelha exatamente na mesma posição da maça na parte traseira do produto. Porém, pela lei chinesa, o formato é deles. A cretinice aumenta quando a Goophone afirma em seu site que o design do seu dispositivo foi concebido “através de uma pesquisa e desenvolvimento totalmente independente, com os devidos direitos de propriedade intelectual independente registrados”.

Quero ver onde essa briga vai dar. Tire suas próprias conclusões, vendo o vídeo abaixo.

Via BGR.com