symantec_logo_700

O internauta brasileiro está cada vez mais conectado. Hoje, temos mais tablets, smartphones, desktops e eletrônicos conectados distribuídos no mercado, e por consequência disso, um número maior de pessoas que passam a correr riscos de vulnerabilidades de dados, todos os dias, e das mais diferentes formas. Pensando nisso, a Symantec, que é líder no fornecimento de proteção da informação, decidiu contar com a ajuda de hackers para tornar os seus serviços mais eficientes.

Calma! Não precisa ficar preocupado, acreditando que a empresa foi para o “lado negro da força”. Eles lançaram uma iniciativa voltada à cyber segurança no Brasil, chamada “Hacker do Bem”. O programa é realizado em parceria com a Roadsec (Roadshow de Segurança da Informação, que acontece em 12 cidades brasileiras), e tem como principal objetivo educar a conscientizar os usuários com diferentes níveis de conhecimento em tecnologia sobre a importância de proteger os seus dados e informações online, utilizando a base de dados dos diversos estudos e relatórios feitos pela Symantec.

Além de formar uma comunidade conectada que sabe se proteger das ameaças online, o “Hacker do Bem” também tem como objetivo identificar e reconhecer jovens talentos no segmento de segurança tecnológica. O projeto é direcionado para estudantes e colaboradores de tecnologia, e durante os eventos de road show, os participantes vão passar por competições do tipo “capture the flag” (ou “pegue a bandeira”), onde o objetivo é penetrar um sistema computacional que supostamente está protegido.

Nesse caso, não só são avaliadas as capacidades de violar os computadores, mas também as soluções propostas para evitar tais ameaças. Com a crescente onda de ataques, roubo e vazamento de informações consideradas altamente sigilosas, empresas e usuários de tecnologia precisam não só serem conscientes sobre o quão importante é proteger os seus dados da forma correta, mas principalmente aprender a ter uma rotina de segurança online.

Para obter mais informações sobre como participar do projeto “Hacker do Bem”, clique aqui.

 

Artigo patrocinado

banner-publi-targethd.jpg