Não foi só a Nokia que decidiu lançar um smartphone de entrada no dia de hoje. A Sony também aposta nas propostas populares, mas com o sistema Android, anunciando de forma oficial o modelo Xperia E.

Mas diferente da proposta da fabricante finlandesa, que até conta com alguns recursos de hardware um pouco mais avançados, o Sony Xperia E aposta em ser um smartphone Android bem básico, mas já contando com a versão 4.1 (Jelly Bean) do sistema do Google, algo que modelos mais robustos ainda não possuem. O modelo conta com uma simples tela HVGA de 3.5 polegadas (320 x 240), e está disponível em duas versões: a anunciada nesse post, com dois slots para chips SIM (ou Xperia Edual), ou a versão com um único slot para chips de operadoras.

Para compensar a carência de recursos técnicos, o Sony Xperia E conta com uma autonomia de bateria prometida de longa duração, que é oferecida através de um software especial, que desativa o WiFi e o tráfego de dados quando o smartphone fica completamente inativo por alguns minutos. Sua bateria é de 1.500 mAh, e sua autonomia estimada é de seis horas de conversação, ou 530 horas em standby.

O dual SIM do smartphone permite a troca do chip ativo através de um simples toque em um ícone do sistema, para que o usuário possa aproveitar do plano de dados mais barato para aquele momento. Sua câmera traseira é de apenas 3.2 megapixels, e sua capacidade de armazenamento é de 4 GB (expansíveis via slot para cartões microSD). O Sony Xperia E também conta com as tecnologias HD Voice (para otimizar a qualidade das chamadas) e Walkman (para uma melhor experiência musical), tudo isso gerenciado por um processador Qualcomm Snapdragon de 1.5 GHz, e contando com a ajuda da conectividade DLNA.

O Sony Xperia E estará disponível nas cores preto, branco e rosa, nas duas versões (single SIM e dual SIM). Seu preço não foi anunciado, e o smartphone chega ao mercado internacional no primeiro trimestre de 2013.

Via IntoMobile