sonylogo11

A Sony está se tornando um dos nomes mais populares do mundo Android, e com uma velocidade considerável, levando em conta o curto espaço de tempo que eles decidiram atuar de forma independente nesse mercado. Porém, eles esboçam utilizar uma estratégia diferente dos seus principais concorrentes, não focando os seus esforços de vendas nos Estados Unidos, mas sim no Japão e na Europa.

A empresa lançou em 2013 um número considerável de dispositivos interessantes, como o Xperia Z, o Xperia Z Ultra e o Xperia Z1. Esses dispositivos estão disponíveis nos mercados da Europa e do Japão, mas não tão disponível assim nos EUA. E segundo o CEO da Sony, Kaz Hirai, esse cenário não deve mudar tão cedo.

Em uma recente entrevista do executivo dada para a Reuters, ele informa que a Sony não tem planos para explorar de forma mais enfática os dois maiores mercados de mobilidade do planeta, os EUA e a China. Kaz afirma que a empresa vai começar a lançar dispositivos no mercado norte-americano de forma gradual, em parceria com as operadoras (a T-Mobile já lançou o Xperia Z, e especula-se que o Xperia Z1 deve chegar em breve).

A preocupação de Hirai é fazer tudo de uma vez só, e não conseguir fazer um trabalho bem feito. Para o executivo, os mercados dos EUA e da China requerem uma atenção especial, e precisam ser explorados com calma, um de cada vez, e de forma gradativa. De fato, o CEO da Sony está sendo prudente, e isso não é ruim, principalmente no mercado norte-americano, que é extremamente competitivo, e mesmo assim, tem a Apple dominando esse mercado com larga vantagem.

E, tradicionalmente, e uma missão muito árdua uma empresa estrangeira vingar nos Estados Unidos.

Via Reuters, Android Authority