sony-oled

Segundo conta o periódico Nikkei, a Sony decidiu não mais se dedicar ao desenvolvimento de telas OLED, tecnologia mais cara e menos midiática para os japoneses, e vão focar os seus esforços nos televisores 4K/UHD de LED.

A decisão é considerado um passo lógico, ainda mais depois de abandonar a parceria com a Panasonic para desenvolver a tecnologia OLED de forma conjunta, ao ver que não era algo tão econômico fabricar esse tipo de televisores. A tecnologia sucumbiu diante das telas 4K/UHD, com maior visibilidade  e mais baratas. A CES 2014 foi a prova definitiva da aposta da Sony, já que essas telas são mais rentáveis para a empresa, e com maior potencial de interesse para os consumidores.

De fato, as telas 4K já representam quase a metade do catálogo principal de produtos da Sony (telas de grande tamanho), diante da pouca acolhida dos seus equipamentos OLED, os televisores UHD geram algum dinheiro para os japoneses, já deixando alguma margem de lucro, em um segmento de não para de crescer, representando 20% da cota mundial de TVs.

Agora, a tarefa mais complicada é resignar postos de trabalho e ajustar o seu negócio com uma redução de 20% nos funcionários de sua divisão de eletrônicos de consumo.

Via Nikkei