650_1000_sony-smart_05

A Sony vai disponibilizar a versão para desenvolvedores do seu óculos inteligente Sony SmartEyeglass (Developer Edition SED-E1) em março – reservas já são aceitas na Europa -, e o seu preço deve rondar os 670 euros.

Não foram anunciados os mercados onde o produto estará disponível, mas sabemos que são dez países (entre eles Japão, Estados Unidos, Reino Unido e Alemanha).

O produto visto em setembro de 2014 era um protótipo funcional, mas sem a versão final do software de desenvolvimento, que é a principal adição na versão SED-E1. O pacote contém os óculos, um controle incorporado na bateria e elementos para o seu funcionamento (alto-falantes, microfone, sensor tátil e NFC).

650_1000_sony-smart_02

Tudo isso poderá trabalhar em conjunto com um smartphone Android, com aplicativos que fazem uso da conectividade e possibilidades de localização do mesmo. O Sony SmartEyeglass é compatível com dispositivos Android 4.4 ou superior.

Os óculos contam com lentes com 85% de transparência, que exibem gráficos e textos sobre os elementos do mundo real. Ou seja, um recurso de realidade aumentada nos dois olhos, com qualidade monocromática. Além disso, temos uma câmera de 3 megapixels integrada no óculos, que pode registrar fotos e vídeos sem som. Sua bateria oferece autonomia de uso de até 150 minutos contínuos.


sony-smart_04 sony-smart_03 sony-smart_01 SmartEyeglass_features_700px-700x451 Captura de pantalla 2015-02-17 a las 9.02.26 Captura de pantalla 2015-02-17 a las 9.02.16

Via Sony