A Sony Computer Entertainment Inc. (SCEI) apresentou hoje o PlayStation®4 (PS4™), seu sistema de entretenimento computacional de última geração, que redefine os conceitos de riqueza de detalhes e imersão no gameplay, gráfico poderoso, velocidade, personalização inteligente, recursos sociais altamente integrados e inovadores recursos de segunda tela. Combinado com a tecnologia de nuvem da PlayStation Network, o PS4 oferece um expansivo ecossistema de jogos centrado nos jogadores, permitindo que eles joguem quando, onde e da maneira que quiserem. Ainda não há previsão de lançamento do PS4 no Brasil.

Foco no desenvolvedor, inspirado no jogador

O PS4 foi projetado desde o início para garantir que os melhores jogos e as experiências mais imersivas estejam ao alcance dos jogadores de PlayStation. O PS4 atinge seu objetivo permitindo que os maiores desenvolvedores de jogos do mundo deem asas à sua criatividade por meio de um sistema ajustado especificamente de acordo com suas necessidades.

O PS4 também conecta de maneira fluida os jogadores a um universo mais amplo de experiências oferecidas pelo PlayStation, seja por meio de consoles, dispositivos móveis e pela PlayStation Network (PSN).

A arquitetura de sistema do PS4 se distingue por seu alto desempenho e facilidade de desenvolvimento. O PS4 é baseado em um potente chip customizado que contém oito núcleos x86-64 e um processador gráfico de última geração.

A nova Unidade de Processamento Gráfico (GPU) possibilitará um uso mais efetivo em cálculos computacionais de propósito geral (GPGPU), tais como simulações físicas. A GPU contém um array unificado de 18 unidades computacionais, que coletivamente geram 1.84 Teraflops de poder de processamento, que pode ser livremente aplicado a tarefas gráficas, de simulação ou, até mesmo, uma combinação das duas.

O PS4 é equipado com 8 GB de memória de sistema unificada, facilitando a criação de jogos e aumentando a riqueza de conteúdo que pode ser alcançado na plataforma. GDDR5 é usado para esta memória, dando ao sistema 176 GB/segundo de largura de banda e fornecendo um estímulo adicional para o desempenho gráfico.

O resultado final para os jogadores são novos jogos com imagens ricas em detalhes, de alta fidelidade e com experiências imersivas que superam qualquer expectativa.

Experiência compartilhada de jogos

A interação social é central para as experiências do PS4, desta forma novos recursos foram acrescentados às bases da arquitetura de hardware do sistema. O PS4 oferece sistemas dedicados e “sempre ativos” de compressão e descompressão de vídeo que possibilitam um upload transparente do gameplay. Pela primeira vez, os jogadores podem compartilhar seus triunfos épicos pressionando um botão. Basta os jogadores pressionarem o botão “compartilhar” no controle, percorrer os últimos minutos do gameplay, marcá-los e voltar ao jogo – o vídeo sobe enquanto o gamer continua jogando. Os jogadores podem compartilhar suas imagens e vídeos com seus amigos no Facebook.

O PS4 também otimiza a observação social ao permitir que os jogadores transmitam seu gameplay em tempo real para amigos usando serviços de streaming ao vivo pela Internet como o Ustream. Durante as transmissões ao vivo, os amigos podem fazer comentários sobre o gameplay transmitido e, se um jogador ficar emperrado em um nível difícil, os amigos podem entrar no jogo de formas completamente novas. Por exemplo, eles podem oferecer poções que curam ou armas especiais quando o jogador mais precisar delas durante o gameplay real.

Além disso, os usuários podem vincular sua conta do Facebook com a conta da Sony Entertainment Network. Por meio do PS4, os usuários podem encontrar mais amigos para desfrutarem jogos juntos e para aprofundar suas conexões por meio de jogo cooperativo ou “cross-game chat”.

Segundas telas do PS4

O PS4 integra segundas telas ou Second Screens, incluindo o PlayStation Vita (PS Vita), smartphones e tablets, para envolver os jogadores em seus conteúdos favoritos onde quer que eles estejam. Um recurso essencial possibilitado pelas segundas telas é o “Remote Play” (jogo remoto) e o PS4 libera totalmente seu potencial fazendo do PS Vita o dispositivo associado definitivo. Com o PS Vita, os jogadores poderão de forma transparente pegar títulos do PS4 de suas TVs na sala de estar e jogá-los na tela de cinco polegadas com os sticks duplos analógicos do PS Vita usando redes Wi-Fi*1. A visão em longo prazo da SCEI é permitir que a maioria dos títulos do PS4 possa ser jogada no PS Vita*2.

Um novo aplicativo da SCE chamado “PlayStation app ” permitirá que o iPhone, o iPad, smartphones e tablets*3 baseados em AndroidTM se tornem segundas telas. Uma vez instalado nesses dispositivos, os usuários podem, por exemplo, ver mapas em sua segunda tela enquanto jogam um game de aventura, comprar games do PS4 enquanto estão longe de casa e baixá-los diretamente para o console em casa, ou remotamente assistir a outros gamers jogando em seus dispositivos.

Gameplay imediato

O PS4 reduz radicalmente o tempo de atraso entre jogadores e seu conteúdo. O PS4 apresenta o “modo de suspensão”, que mantém o sistema em um estado de baixo consumo de energia e ao mesmo tempo preserva a sessão do jogo. O tempo que leva hoje para iniciar um console e carregar um jogo salvo será coisa do passado. Com o PS4, basta os jogadores apertarem o botão liga-desliga novamente e eles voltam ao jogo instantaneamente no ponto exato em que pararam. Além disso, os usuários podem iniciar uma variedade de aplicativos, incluindo um navegador enquanto jogam um game no PS4.

O PS4 também permite que games sejam baixados ou atualizados em segundo plano ou mesmo no modo Stand by. O sistema vai além e permite que títulos digitais sejam jogados enquanto são baixados. Quando um jogador compra um game, o PS4 baixa apenas uma fração dos dados de modo que os jogadores possam começar a jogar imediatamente, e o restante é baixado em segundo plano durante o gameplay real.

Conteúdo personalizado e com curadoria

Na recém-projetada tela de menu do PS4, os jogadores podem analisar informações relacionadas ao game e compartilhadas por amigos, facilmente visualizar o gameplay de amigos, ou obter informações de conteúdo recomendado, incluindo games, programas de TV e filmes. O objetivo a longo prazo do PS4 é reduzir a zero o tempo de download de títulos digitais: se o sistema souber o suficiente sobre um jogador para prever o próximo game que ele irá comprar, então esse game pode ser carregado e estar pronto para se jogado antes que ele clique no botão “comprar”. O PS4 irá enriquecer ainda mais as experiências de entretenimento dos usuários ao atender às suas potenciais necessidades.

Jogando na nuvem

Lançada em novembro de 2006, a PlayStation Network, um serviço de rede para usuários de PlayStation, funciona agora em 67 países e regiões*4 ao redor do mundo com um número total de conteúdo baixado de mais de 2.8 bilhões*5. Além de uma variedade de games disponíveis na PlayStation®Store, os usuários do PS4 poderão usufruir uma série de serviços oferecidos pela PSN, como o Music Unlimited da Sony Corporation, um serviço de assinatura de música baseado na nuvem e o Video Unlimited, um serviço premium de vídeo, assim como diversos serviços de distribuição de conteúdo.

Ao combinar a PlayStation Network com a tecnologia de nuvem da Gaikai Inc, o objetivo da SCE é possibilitar uma exploração gratuita de vários games. No futuro, quando um jogador vir um título de seu interesse na PlayStation Store, ele pode começar a jogar imediatamente uma parte do game real— não uma versão limitada do game. Com a Gaikai e a PlayStation Store, os jogadores poderão experimentar jogos atraentes e só pagar pelos jogos que eles realmente adoram. A PlayStation Network e a nuvem oferecerão valor adicional aos jogadores do PlayStation. A SCE está explorando oportunidades únicas possibilitadas pela tecnologia de nuvem com a visão em longo prazo de criar bibliotecas de PlayStation, incluindo um incrível catálogo de mais de 3.000 títulos do PS3*6 sem igual no setor, principalmente onipresentes no PS4.

A SCE anunciará novos detalhes do PS4 e sua robusta linha de games de desenvolvedores e editores terceirizados, da comunidade independente de jogos e do SCE Worldwide Studios, assim como outras melhorias a todo o ecossistema PlayStation entre este momento e o lançamento no final de 2013.

Via Assessoria de Imprensa