sony-ps4-topo

Era impossível que a Sony não percebesse toda a manifestação dos internautas, gamers e especialistas em tecnologia em torno do preço do PlayStation 4 no Brasil. E em um breve comunicado no blog oficial do PlayStation no Brasil, se mostra solidária em relação ao assunto, e promete dar explicações sobre como eles chegaram ao preço de R$ 3.999.

A Sony não estabelece datas para se pronunciar sobre o assunto. Apenas informa que vai se pronunciar “em breve”. Também não foi dito se será em algum evento de imprensa, se será no próprio blog do console, ou se acontecerá durante a Brasil Game Show 2013, que começa nessa semana. Só afirma que deve apresentar os seus motivos para esse valor.

Vale lembrar que, inicialmente, a Sony apenas coloca como justificativa para um valor tão alto para o PS4 a carga tributária imposta pelo governo brasileiro para a importação e comercialização do console no Brasil (segundo a Sony, “que variou entre 60% e 70%). Porém, mesmo com essa porcentagem, há uma diferença de mais de R$ 2 mil em relação ao valor que o console deveria (teoricamente) custar no Brasil, já levando em consideração os 70% de impostos citados pela própria Sony.

Também é importante observar que, diferente do que vimos em muitos sites, a conta não é feita em cima dos US$ 399. Esse valor é válido para o mercado norte-americano, levando em consideração os aspectos de importação, produção, logística de entrega, taxa de lucro, impostos pagos pela loja vendedora, lucro da loja vendedora, comissões, entre outros. Mas apenas para os Estados Unidos.

Até porque (como bem lembraram um dos usuários dos sites que falaram sobre o assunto), a Sony não compra 1000 unidades do PS4 na GameStop para enviar o produto para o Brasil. Tudo sai direto da fábrica para a loja/e-commerce.

Ou seja… a conta para chegar ao preço final parte de um preço inferior aos US$ 399 sugeridos.

Vamos esperar pelas explicações da Sony. Por enquanto, a conta não está nem perto de ser fechada.

Via Blog Oficial do PlayStation