650_1000_bb-1

Depois de sofrer o ciberataque que vazou vários TB de dados dos seus servidores, a Sony Pictures tomou a radical decisão de desempoeirar um monte antigos telefones BlackBerry, além de voltar alguns procedimentos que eram feitos automaticamente pelos computadores para o modo manual.

O uso do BlackBerry faz todo sentido: no meio do caos, os computadores da Sony não funcionavam, a rede interna estava offline e o serviço de e-mail corporativo ficou comprometido e fora do ar. Só restou aos executivos resgatar os antigos telefones da empresa canadense, que contam com o seu próprio serviço de e-mails, para uma comunicação segura.

Eles também recorreram ao BlackBerry Messenger para discutirem sobre as medidas contra o ataque, organizando uma rede de distribuição de notícias entre os funcionários.

Não foram revelados maiores detalhes sobre quantos aparelhos foram ressuscitados.

Via The Wall Street Journal