Segundo informa o jornal Wall Street Journal, fontes próximas da cúpula da Sony informaram que a gigante japonesa estava pensando na opção de um futuro console doméstico com suporte único para downloads de jogos via Internet (ou DLC). O suposto console se baseava unicamente nos downloads que ofereceriam acesso a todo o catálogo da nova plataforma desde o dia do seu lançamento, encerrando assim o capítulo de suporte físico, que tanto deu o que falar ao longo da história dos consoles.

Porém, a Sony decidiu cancelar o projeto porque acredita que apesar da empresa acreditar que as conexões de Internet devem melhorar muito em todo o planeta, as diferenças de desempenho existentes em muitos países não ajudariam no avanço do console em muitos países (pense você em tendo que fazer o download dos atuais jogos do PS3, com a Internet que temos em alguns locais do Brasil), algo que a própria Sony deve ter se arrependido rapidamente com o lançamento do PSP Go.

Dito isso, fica claro que a próxima geração do PlayStation terá algum leitor de mídia, ou qualquer sistema físico que vai permitir o intercâmbio com os seus dispositivos.

Via Engadget