sony-xperia-x-performance

A Sony tem claro qual é o seu futuro no mercado mobile: oferecer apenas produtos premium. Os últimos lançamentos da empresa foram dentro desse segmento, ou no máximo na linha média premium, com os modelos Xperia U, Xperia E1, Xperia M e Xperia E4. A estratégia fez a empresa vender menos smartphones, mas resultou em um aumento nas receitas geradas por essas vendas.

A Apple sabe muito bem como manejar essa estratégia no mercado como um todo, mas a Sony agora lidera claramente o ranking de fabricantes Android. Os japoneses arrecadam em média 380 euros por cada smartphone vendido no último trimestre de 2015. Muito na frente da HTC, com 214 euros. Aliás, a HTC nos últimos tempos também optou por contar com um catálogo de terminais mais reduzido. Na sequência vem a Samsung (203 euros) e LG (189 euros). Mas todas ficam bem distantes da Apple (623 euros).

 

Poucos ganham dinheiro com a venda de smartphones

Além do preço médio de venda dos dispositivos de cada marca, há um dado nada alentador para quem pensa em montar a sua própria marca de smartphones: o lucro médio para cada telefone vendido. Nesse caso, a Apple mais uma vez reina absoluta (166 euros), com a Sony na liderança entre os fabricantes Android (23,5 euros) e a Samsung na terceira posição (21 euros).

Mas aqui acaba a lista das grandes marcas ganhando dinheiro mediante sua divisão de smartphones. A LG só perde segundo esta estatística (-2.7 euros por cada dispositivo perdido), seguida pela Microsoft (-32,5 euros) e HTC (-34,3 euros).

Vía | Xperia blog