ForwardWorks

A Sony vai criar a divisão ForwardWorks, que vai desenvolver jogos para as plataformas móveis iOS e Android, como uma nova unidade de negócios que começa suas atividades em 1 de abril. Nessa mesma data, a Sony Computer Entertainment vai se transformar em Sony Interactive Entertainment.

Atsushi Morita, responsável pela SCE na Ásia, vai dirigir a nova divisão onde também vai participar o atual CEO, Andrew House. A ideia é aproveitar a grande base instalada de smartphones de agora (1.432 bilhão de unidades) e as que estão por vir nos próximos anos.

Os smartphones são os “culpados” pela queda de vendas dos consoles portáteis, tal como aconteceu com as câmeras fotográficas compactas, setor que foi esmagado pela versatilidade dos smartphones. Com a Nintendo aconteceu algo parecido com a redução de vendas do 3DS, e muito pior aconteceu com o Sony PS Vita, que só vendeu 13.6 milhões de unidades desde o seu lançamento. Apenas colocando em perspectiva, nesse mesmo período foram vendidos mais de 3 bilhões de smartphones.

A Nintendo recentemente lançou o seu primeiro jogo para smartphones, o Miitomo. O jogo é praticamente um Tomodachi Life online, ou uma espécie de Second Life para Miis distribuído como free-to-play, com complementos opcionais disponíveis através de compras dentro do jogo.

É pouco para um catálogo vasto como o da Nintendo, mas é apenas o começo de uma mudança de estratégia completa. Antes, eles se recusaram a entrar no mercado de smartphones, na tentativa de proteger suas próprias plataformas,mantendo os seus jogos como exclusivos.

O movimento para a Sony é algo ainda mais necessário, com números mais claros ainda: são 3 bilhões de compradores e potencial contra 14 milhões de vendas prováveis em quatro anos. E outra: será que podemos esperar nas plataformas móveis os jogos de mesma qualidade que já temos nos consoles de mesa? Só o tempo vai dizer.

Via Sony, The Verge