pc

 

Usar um computador pelo maior tempo possível é algo mais do que razoável, mas pode resultar em falhas e lentidão na execução do sistema ou de aplicativos, o que pode acabar com a paciência de qualquer pessoa.

Um equipamento informático obsoleto pode interferir na rotina diária de usuários domésticos e profissionais, resultando em menor produtividade e eficiência de um modo geral.

Levando em conta o aumento de gastos para manter equipamentos obsoletos, o custo total de propriedade dos equipamentos novos é facilmente amortizável pelo aumento de produtividade, conectividade e mobilidade.

Mas… quando é o momento de comprar um novo PC?

 

Quando um (ou mais) desses sinais aparecerem:

 

1. Você não pode instalar para a mais recente versão do sistema operacional: as novas versões não são grande prioridade para muitos usuários e empresas, mantendo assim o software original. A tendência de desenvolvimento mudou, e as atualizações hoje são mais importantes do que nunca.

2. Você não pode rodar as últimas versões de aplicativos e jogos: a mesma regra do item anterior, já que os aplicativos e jogos são cada vez mais potentes, exigindo um hardware melhor.

3. O seu computador está lento: a lentidão é um fator subjetivo, mas você vai notar isso. Muito tempo para inicializar por completo o computador, travamentos com mais de 10 abas abertas no navegador de internet, ou escrever uma frase completa no editor de textos e só aparecer uma palavra.

4. Não é possível conectar outros dispositivos: a falta de conectividade com periféricos e novos acessórios, além da ausência de suporte para as últimas tecnologias e padrões de conectividade, ou não poder contar com um monitor de alta resolução (ou UHD, ou 4K).

5. Não tem espaço de armazenamento, memória ou CPU: se o seu disco rígido está no limite, a memória RAM é usada na sua totalidade, ou o uso da CPU passa dos 80% com quase qualquer atividade no seu PC, temos um claro sinal que o hardware está chegando ao seu limite, e os problemas se acumularão no futuro.

6. Muito ruído: um ruído novo, inesperado ou maior que o normal é um mau sinal. Se você ouve os ventiladores mais fortes, isso pode indicar que a CPU está trabalhando mais do que o necessário, ou que há problemas de superaquecimento.

7. Você passa mais tempo solucionando problemas no PC do que usando o mesmo: além dos pontos anteriores, o sinal mais revelador que está na hora de trocar o seu equipamento é quando solucionar problemas do mesmo se transformou em sua tarefa quase diária.

 

Computadores não vivem para sempre, e antes que eles cheguem ao final de sua vida útil ele pode dar muitos problemas, podendo resultar em maiores custos de manutenção e reparação, além da perda de produtividade, conectividade, mobilidade e dados.

Logo, comprar um equipamento novo é sempre a melhor solução nesses casos.

 

Via HP Business