notebook-samsung-expert-x21 samsung

 

Com os computadores (desktops ou notebooks) ficando em segundo plano (onde tablets e smartphones assumem o protagonismo), sabemos que só vai utilizar esse tipo de produto quem realmente precisa, ou seja, para fins profissionais ou para quem quer maior produtividade e praticidade.

Logo, é compreensível que diversas fontes sul-coreanas informem que a Samsung está negociando com a Lenovo a venda de sua divisão de computadores.

 

 

As duas empresas investindo no que realmente interessa a ambas

 

Pelo visto, este é um segmento da empresa que não está dando o rendimento que a empresa espera, principalmente pela queda nas vendas dos últimos anos.

A Lenovo é líder global em vendas de computadores, e estaria disposta a pagar 800 milhões de euros pela divisão de computadores da Samsung, ampliando ainda mais o seu leque de opções dentro do setor.

Não seria a primeira compra da Lenovo dentro desse departamento. Em 2005, eles adquiriram a divisão de computadores da IBM, e recentemente tentou fazer o mesmo com a Fujistu, mas não obteve sucesso.

A venda desta divisão tem sua lógica. A Samsung vendeu a sua divisão de impressoras para a HP, deixando a divisão de computadores “manca”.

A Lenovo recentemente se envolveu em várias polêmicas pela inclusão de malwares, smalwares e bloatwares em seus notebooks.

Vamos ver se a compra ajuda as duas empresas de alguma forma.

 

ATUALIZADO em 25/11/2016 @ 16h15: a assessoria de imprensa da Samsung no Brasil entrou em contato com o TargetHD.net para se posicionar sobre as informações contidas nesse post. Segue o comunicado na íntegra:

“A Samsung informa que o rumor sobre a venda da divisão de notebooks da empresa não é verdadeira”.