Samsung Galaxy S7 Active

Falta pouco para a Samsung apresentar oficialmente o Samsung Galaxy S7 Active (10 de junho), e um novo vazamento revela quase todos os detalhes técnicos do dispositivo.

Algumas características ficaram pendentes, mas é fato que temos todas as peças para determinar o perfil do próximo smartphone ultra-resistente dos coreanos. E mais de duas semanas antes do seu anúncio, mostrando a pressa dos vazadores de plantão, e acabando com o suspense de um possível anúncio. Ao longo das últimas semanas, vimos como chegaram aos veículos de imprensa os diversos renders, e esse vazamento mostra quase 100% de suas especificações.

O futuro Samsung Galaxy S7 Active não conta com muitas diferenças em relação ao Galaxy S7 original, algo que se repetiu nos modelos anteriores. Logo, temos aqui uma tela de 5.1 polegadas Super AMOLED (QHD), com processador Qualcomm Snapdragon 820 (nada de Exynos nesse modelo), 4 GB de RAM e 32 GB de armazenamento. Não há informações se teremos versões superiores, como acontece com o Galaxy S7 original, que possui uma versão com 64 GB de armazenamento.

Os sensores fotográficos seriam idênticos aos originais, com 12 MP ISOCELL na parte traseira, e 5 MP para o sensor frontal, ambos com abertura f/1.7, entre outras virtudes.

Outra grande diferença com o Galaxy S7, além da sua aparência externa e, obviamente, suas dimensões, está na sua bateria de 4000 mAh, superando os 3500 mAh do Galaxy S6 Active e os 3000 mAh do Galaxy S7 original.

Samsung Galaxy S7 Active-02

O vazamento se encerra com alguns dados sobre as dimensões do dispositivo, com 9,9 mm de espessura e 185 gramas de peso. Comparados com os 7,1 mm e 159 gramas do modelo original, a diferença é notável, mas o case de proteção extra tem o seu preço, que é pago em forma de ergonomia.

Por enquanto, não sabemos em quais mercados o Samsung Galaxy S7 Active será comercializado, e tal informação deve ficar reservada para o anúncio oficial. Mas é provável que a Samsung envie uma nota de imprensa ou publique um post em seu blog oficial, deixando as apresentações para dispositivos mais importantes.

Via VentureBeat