samsung-galaxy-s7-active

A Samsung apresentou oficialmente o Samsung Galaxy S7 Active, versão reforçada do smartphone top de linha dos sul-coreanos. O modelo mais uma vez foi anunciado nos Estados Unidos, de forma exclusiva para a operadora norte-americana AT&T.

Ainda que o novo smartphone compartilhe praticamente toda a lista de especificações do Samsung Galaxy S7 original, há algumas diferenças evidentes, principalmente no design, que é muito mais tosco para ganhar a resistência prometida. São 9.9 mm de espessura e peso de 185 gramas para o Samsung Galaxy S7 Active. Em troca, temos um telefone com certificado militar MIL STD-810G, garantindo que a tela não vai se partir em quedas de até 1.5 metros (desde que a superfície seja plana).

O Samsung Galaxy S7 Active também conta com a certificação IP68, sendo assim resistente a mergulhos de até 1.5 metros de profundidade por 30 minutos. Sua tela é revestida por uma lâmina de cristal anti-rachaduras, e as teclas frontais são físicas, para facilitar o manejo do dispositivo quando o mesmo estiver molhado ou sujo.

att-g891a-gs7-active-gd-dynamic-left-1

Na parte técnica, temos mais semelhanças do que diferenças em relação ao Galaxy S7. Os dois contam com tela Super AMOLED (QHD) de 5.1 polegadas, as mesmas câmeras (12 MP e 5 MP), sensor de digitais no botão Home com Samsung Pay integrado e 32 GB de armazenamento (expansíveis via microSD).

Uma das diferenças em relação à versão europeia é que, nesse caso, o processador é um Snapdragon 820 no lugar do Exynos 8890. Mas a grande diferença nas especificações está na bateria, que sobe de 3.000 mAh para 4.000 mAh.

O Samsung Galaxy S7 Active é a opção a se considerar dentro dos modelos top de linha resistentes. Mas você vai precisar ir até os Estados Unidos para adquirir um. O modelo é vendido na AT&T, com três opções de cores (dourado, cinza titânio e verde camuflagem), com preço sugerido de US$ 795. As vendas do modelo começam no dia 10 de junho.