O Samsung Galaxy S III já é uma realidade, e os diversos sites de tecnologia já começam a destrinchar os seus detalhes. Por exemplo, o site Engadget já está de olho na sua tela Super AMOLED HD de 4,8 polegadas, que conta com a configuração PenTile RBFB. E é isso que vamos abordar nesse post.

Veja com os seus próprios olhos. Eles colocaram a tela do novo Galaxy da Samsung com sos seus concorrentes debaixo de um microscópio USB para uma comparação, e para entender como essas telas funcionam. A 230 aumentos, e em comparação com a tela SLCD 720p do HTC One X, o Galaxy S III exibe uma menor densidade de subpíxels, mas supera o seu rival taiwanês quando falamos de contraste, e principalmente, nos tons negros (lembra que a imagem acima foi registrada com um microscópio USB, logo, não vá fazer juízos de valor baseados em imagens registradas em condições que são longe das ideais).

As comparações com o Galaxy Nexus são um pouco mais próximas. O smartphone do Google utiliza uma tela Super AMOLED HD de 4,65 polegadas, contra as 4,8 polegadas do Galaxy S III, o que implica uma menor densidade que o seu irmão maior, mas na prática, isso não quer dizer muita coisa. Vendo a imagem do microscópio, temos a impressão que a Samsung reduziu levemente o tamanho dos subpíxels vermelhos para o seu novo telefone.

Por fim, a comparação com o Galaxy original, o Galaxy S (4″, 800 x 480 Super AMOLED) e com o Galaxy S II (4,3″, 800 x 480 Super AMOLED Plus) e Galaxy S II LTE (4,5″ 800 x 480 Super AMOLED Plus), que ilustra claramente as diferenças entre as gerações.

Via Engadget