A Samsung anunciou oficialmente na IFA 2012 o lançamento da sua Galaxy Camera, que nada mais é do que uma câmera do tipo point-and-shoot gerenciada pelo sistema operacional Android 4.1 Jelly Bean, com recursos de conectividade 3G/4G, recursos de edição de fotos/vídeos onboard, compartilhamento para redes sociais e zoom ótico de 21x.

A Samsung Galaxy Camera possui um sensor de 16 megapixels com CMOS retroiluminado, que trabalha com lentes de 23 mm e um sistema Smart Pro, que ajuda aos usuários intermediários a tirar fotos com qualidade próxima aos profissionais, que contam com câmeras do tipo DSLR. Além disso, o fato de você poder editar o material na própria câmera e já poder enviar para as redes sociais e serviços como o Facebook ou o Google+ agilizam muito o trabalho daqueles que precisam manter amigos, familiares e até clientes atualizados de tudo o que está acontecendo no momento em que as coisas acontecem.

Todo o controle da câmera é feito através de uma tela de 4.8 polegadas (1280 x 720) touchscreen, com 380 ppi. A câmera possui um sistema de controle por comandos de voz, que é parte do sistema Android presente nele. Além disso, algumas características clássicas de smartphone (mais precisamente do Galaxy S III) podem ser identificadas na Galaxy Camera, como um processador quad-core de 1.4 GHz, a possibilidade de criação de pastas de forma automática, reconhecimento de faces e localização por tags. O sistema também pode fazer sugestões sobre como você pode melhorar a sua performance nas fotos.

A Samsung Galaxy Camera também possui suporte para buscas multi-tag, permitindo também aos usuários adicionar dados como feriados, datas comemorativas e informações individuais, em diversos níveis, para múltiplos filtros. 35 opções de edição de fotos estão disponíveis, incluindo ajustes de brilho, contraste e filtros, e se você tiver um aplicativo preferido para filtros de câmera, como é o caso do Instagram, nada impede que você utilize os seus recursos para aplicar nas fotos fora do aplicativo. Por fim, todos os principais recursos de compartilhamento normalmente encontrados no Android estão presentes na câmera, permitindo assim o envio rápido de imagens para o Facebook, o Twitter, Google+ ou outras redes sociais. Isso, sem deixar de lado o sistema WiFi Direct, para o compartilhamento de imagens entre dispositivos ou backup na nuvem.

De fato, muito do que você encontra nos principais smartphones Android presentes no mercado estão na Samsung Galaxy Camera, exceto o serviço de chamadas de voz, mesmo contando com a compatibilidade com rede HSPA+. A mesma só atua com a parte de dados. Mesmo assim, ainda vale a se considerar a sua grande tela para navegar pelos menus e para um acesso rápido à web quando necessário, ou até mesmo para checar os seus e-mails durante o trabalho pesado. O produto suporta aplicativos de terceiros de diversas espécies, e o armazenamento do material é uma cortesia de um slot para cartões microSD. O modelo também conta com uma saída HDMI, para que você conecte o produto na TV.

O produto possui um interessante Expert Mode, que permite um ajuste manual dos seus recursos, permitindo aos usuários mais avançados configurar o modelo da forma mais conveniente para um melhor resultado.

A Samsung é líder mundial no mercado de smartphones, e a Galaxy Camera marca o início de um novo segmento de mercado para a empresa, a smart-camera. A fabricante ainda negocia com as operadoras o preço e datas de lançamento, mas rumores apontam para um preço na faixa dos US$ 500, com lançamento especulado para o último trimestre de 2012.

Abaixo, o hands on do produto.

Via SlashGear