samsung-phone-teaser

 

Fato: a Samsung perdeu parcialmente a confiança do consumidor depois dos incidentes com as abaterias do Galaxy Note 7. E essa é uma realidade que a empresa quer mudar desde já

Inicialmente, a Samsung pensou em reaproveitar os smartphones devolvidos para revendê-los como restaurados em mercados emergentes, mas ao constatar que nem a mudança de bateria resolve o seu problema, decidiram cancelar esse plano e o Note 7 em definitivo.

Dong-Jin Koh, chefe da divisão móvel da Samsung, farou que a empresa fará todo o possível para encontrar o problema exato que provocou a explosão do dispositivo de forma espontânea, e com isso eles esperam começar a recuperar a confiança do consumidor.

É outra decisão mais que acertada: identificar a causa do problema e comunicar os consumidores. Porém, a Samsung precisa dar passos corretos: outro fiasco similar pode complicar a situação de vez.

Para compensar, a Samsung aumentou a produção do Galaxy S7 e do Galaxy S7 Edge, e não descarta antecipar o lançamento do Galaxy S8.

 

Via Korea Herald