screen shot 2013 07 16 at 1 33 02 pm Samsung detém hoje quase a metade de todo o volume de dados consumidos em tablets e smartphones Android

Eu acho que não restavam muitas dúvidas sobre o domínio absoluto da Samsung no mercado Android. Mesmo assim, se ainda é necessário ilustrar esse poderio em números e gráficos, por que não fazer isso? Um novo estudo realizado pela empresa especializada em marketing mobile Chitika mostra que a fabricante sul-coreana possui hoje quase a metade de todo o tráfego online gerado por smartphones e tablets Android do eixo Estados Unidos/Canadá.

Com isso, a Samsung não só tem uma vantagem muito significativa, como deixa todos os demais fabricantes disputando algum ganho de décimos de porcentagem entre si. Os smartphones e tablets da Samsung são responsáveis hoje por 47.2% de todo o volume de tráfego online na América do Norte, enquanto que a vice-líder HTC não consegue alcançar sequer dois dígitos de porcentagem, com 9.7%.

Para deixar a diferença ainda mais clara e evidente, os gadgets da Samsung consomem pelo menos cinco vezes mais tráfego de dados que os dispositivos da HTC.

Aliás, a vida de HTC nesse aspecto não é nada fácil, pois é perseguida muito de perto por empresas como Motorola, Amazon e LG. Já os modelos da linha Nexus (ou Google Phones) ficam com apenas 2.5% do tráfego web. O tablet Nook, da Barnes and Noble, tem apenas 1.3% de cota de consumo web, mas isso se explica pelo fato de ser um “novato” nesse ranking.

screen shot 2013 07 16 at 1 37 57 pm1 Samsung detém hoje quase a metade de todo o volume de dados consumidos em tablets e smartphones Android

O estudo da Chitika revela também que o Samsung Galaxy S III ainda retém uma grande fatia de mercado, sendo responsável por 32% de todo o tráfego de internet consumido pelos dispositivos da Samsung. Já o Galaxy S4 é responsável por apenas 7% de todo o consumo web.  Mesmo assim, temos aqui outro dado interessante: os dois smartphones (Galaxy S III e Galaxy S4), sozinhos, consomem o dobro de internet que todos os tablets da Samsung juntos.

Os resultados apresentados na América do Norte não surpreendem, e creio que o cenário global não é muito diferente desse que foi apresentado nesse estudo. A Samsung detém hoje 95% do mercado de dispositivos Android. Resta saber se esse cenário vai mudar algum dia. A Google está tentando virar esse jogo, e aposta pesado no Motorola Moto X para começar a reação (até porque ninguém gasta meio bilhão de dólares em divulgação se não acredita que pode virar esse cenário).

A boa notícia é que os fabricantes ao menos estão tentando desafiar a Samsung. Só o tempo vai dizer se dará resultado.

Via VentureBeat