Depois de uma longa espera, o Samsung Galaxy Note 10.1 é finalmente lançado. O dispositivo, que foi apresentado pela primeira vez na Mobile World Congress 2012 em Barcelona em fevereiro, chega com um processador quad-core de 1.4 GHz e sistema operacional Android 4.0 (Ice Cream Sandwich).

A mais notável melhoria além do processador mais potente está na tela do dispositivo, que mede quase o dobro do primeiro Galaxy Note (com uma resolução de 1280 x 800), que possui tela de 5.3 polegadas. O produto chega com a já tradicional S Pen, a caneta stylus que permite que o usuário interaja com a tela através de escrita, desenhos e outros formatos. Além disso, o tablet possui uma câmera traseira de 5 megapixels com flash LED, câmera frontal de 1.9 megapixels e 2 GB de RAM. Inicialmente, a Samsung está lançando as versões WiFi e WiFi + 3G HSPA+ do novo tablet. O modelo com WiFi e 4G/LTE será lançada em um momento posterior, ainda em 2012.

A empresa antecipou a apresentação do produto, que teoricamente estaria previsto para ser oficialmente apresentado em um evento no dia 15 de agosto. A empresa até enviou convites para a imprensa, afirmando que “um grande anuncio de um novo dispositivo Galaxy” aconteceria nesse dia, e rumores já indicavam que poderia ser o Galaxy Note 10.1.

O Galaxy Note 10.1 está disponível inicialmente na Coreia, Alemanha, Estados Unidos e Reino Unido. A Samsung afirma que as vendas do produto nos demais mercados começam ainda nesse mês de agosto, sem especificar quais são esses mercados. Seu preço também não foi revelado, pelo menos, por enquanto.

Via CNET