samsung-galaxy-note-3

Não é difícil de compreender essa notícia, muito menos explicar esse número. Mesmo assim, é algo impressionante, levando em consideração a acirrada disputa que esse mercado vive nesse momento. Mas para você se situar sobre o assunto, David Eun, chefe do OIC (Open Innovation Center) da Samsung, declarou hoje na Developer Conference da empresa que, nesse momento, eles vendem mais de 1 milhão de dispositivos moveis por dia.

O evento tinha como principal objetivo o desenvolvimento de uma nova série de SDKs para os dispositivos da Samsung. Eun afirmou que aproximadamente 40% da população mundial está conectada na internet, e ele espera construir com os desenvolvedores interessados uma das maiores plataformas do planeta para conteúdo, serviços, aplicativos e propaganda.

Em seguida, confirmou que a Samsung consegue distribuir hoje mais de 1 milhão de unidades dos seus produtos voltados para a área de mobilidade, entre smartphones e tablets com o sistema Android. Isso significa que se fizermos uma estimativa simples, podemos concluir que a Samsung vende, no mínimo, 365 milhões de unidades dos seus dispositivos móveis por ano.

De novo: é um número impressionante, tornando a empresa uma das maiores fabricantes do planeta no segmento. Por outro lado, esses mesmos números são facilmente explicados, se levarmos em conta que a mesma Samsung lança novos produtos ao longo de quase todo o ano. Ou seja, em um mercado com muita oferta de produtos, o volume de unidades vendidas tende a ser maior.

A Samsung recentemente anunciou um lucro recorde de US$ 9.6 bilhões durante o seu terceiro trimestre fiscal de 2013, e recentemente, alcançou a marca de 40 milhões de unidades vendidas do Galaxy S4, lançado em abril de 2013.

E como o Galaxy S5 deve ser laçado no começo de 2014, tudo indica que esses números tendem a subir consideravelmente.

Via Android Central