Enquanto você estava aproveitando o feriado de ontem (02), os veículos especializados em games divulgavam alguns supostos novos detalhes técnicos sobre o que seria o novo PlayStation 4 (se é que ele vai se chamar assim). As fontes nesse caso são os desenvolvedores, que já contam com os novos kits de desenvolvimento em suas mãos, e graças a isso, podem conhecer detalhes importantes sobre sua arquitetura.

Ao que parece, o novo kit que recebe o nome de Orbis, vem com a aparência de um PC normal, e está na sua segunda versão. A primeira era composta apenas por uma placa gráfica. Dessa vez, temos um PC modificado, e muitos apostam que a terceira versão desse kit de desenvolvimento, que deve chegar em janeiro de 2013, deve ser muito similar ao produto final, que tem anúncio especulado para o próximo verão do hemisfério norte (junho/julho, muito provavelmente, durante a E3 2013).

Detalhes? Sim. O Orbis é baseado em uma AMD A10 Série APU. APU vem de Unidade de Processamento Acelerado, e é a combinação de uma CPU e uma placa gráfica. O A10 do Orbis é uma variante do A10 já conhecida, e o objetivo final desse hardware é que ele possa rodar jogos a 1080p, em 3D e a 60 FPS.

Outro detalhe importante é que os kits da Orbis contam com 8 ou 16 GB de RAM. Além disso, eles seguem usando o Blu-ray como mídia, e pelo o que se comenta, o seu disco rígido seria de 256 GB como padrão, mas sem saber se na versão final será no formato SSD ou em HD. O hardware está sendo produzido no Japão, e a Sony tem como objetivo oferecer uma máquina competitiva, mas muito acessível no quesito preço, para evitar os problemas obtidos na época do lançamento do PlayStation 3.

Uma das grandes mudanças está na interface do usuário, que foi redesenhada para que seja a mais fluída possível. Além disso, o sistema de atualizações deve ser modificado, permitindo que o jogador faça outras coisas enquanto jogos e outros recursos são atualizados no console. O Orbis está preparado para ficar sempre em modo de suspensão (se assim o usuário desejar), e que o seus sistema possa fazer as atualizações de forma automática, em segundo plano.

Sobre o joystick, não há detalhes confirmados, e informações são esperadas para este mês de novembro.