caixa-eletronico

Um grupo formado por 100 hackers conseguiu roubar aproximadamente US$ 13 milhões em caixas automáticos no Japão. Este é um dos maiores e mais rápidos roubos da história.

Tudo aconteceu em menos de três horas, e foram afetados caixas automáticos de até 16 prefeituras japonesas nas cidades de Tóquio, Osaka, Fukuoka e Kanagawa, entre outros. Tudo estava perfeitamente planejado e calculado até a hora da ação, que aconteceu em uma janela de tempo que era praticamente impossível realizar uma intervenção de segurança rápida para interferir no desenvolvimento do roubo.

Os caixas automáticos contam com um limite de quantidade diária que pode ser retirada com cartões de crédito. No Brasil, esse limite varia de banco para banco, mas isso era algo com que os cibercriminosos já contavam. Para superar tal limitação, eles lançaram o ataque em mais de 1.400 caixar eletrônicos em todo o Japão. E esse foi um plano perfeito.

Tudo aconteceu durante a madrugada de domingo, 15 de maio, e foram utilizados dados de cartões de crédito roubados no Standard Bank da África do Sul. Por enquanto, a polícia tenta atar algumas pontas soltas para esclarecer detalhes do crime, que deixou a polícia japonesa muito desconcertada.

Nesse sentido, a colaboração entre as autoridades nipônicas e o Standard Bank será o segredo para iniciar uma linha de investigação comum, que podem ajudar a desvendar como os cibercriminosos conseguiram ps dados dos cartões de crédito.

Via WCCFTech