Dez jovens foram responsáveis por um roubo de 24 iPhones em uma unidade da Apple Store na Puerta del Sol de Madrid (Espanha). O mais curioso da notícia é o método empregado para o crime: eles morderam os cabos de segurança presos nos dispositivos.

Oito dos dez jovens são menores de idade que foram capazes de burlar a pouca segurança que a Apple adota nas suas lojas. Além da forma de levar os iPhones, também concluímos que os cabos de segurança nas lojas servem de muito pouco.

Todos os detidos foram colocados nas mãos da justiça, recebendo uma ordem de restrição de 100 metros sobre qualquer Apple Store. A polêmica aqui é que o crime compensou, já que eles não foram presos, o cabo cortado é vagabundo, e o prejuízo para a loja foi enorme, já que cada dispositivo é avaliado em quase 1.000 euros.

 

Via Actualidad Gagdet